.

terça-feira, 24 de março de 2020

RIOS CÔA E DOURO

© João Menéres


LÁ AO FUNDO, VÊ-SE UMA PONTE FERROVIÁRIA.
ERA UMA DAS DA LINHA DO DOURO ( PORTO/BARCA DALVA ).
SE NO 1º PLANO VEMOS O RIO CÔA,
A PONTE É EXACTAMENTE NA 
CONFLUÊNCIA DO RIO CÔA COM O RIO DOURO.
O QUE SE ADIVINHA PARA LÁ DA PONTE,
JÁ É O RIO DOURO.
E A VEGETAÇÃO VERDE QUE SE VÊ SOBRE
A PONTE, É A MARGEM DIREITA DO DOURO, ENQUANTO
A PONTE SE SITUA NA MARGEM ESQUERDA.

20 comentários:

  1. Belíssima foto.
    Espero e desejo que tudo esteja bem consigo e com os seus.
    Abraço e saúde

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Elvira.
      Foi feita com uma grande angular e depois tive que ampliar MUITO para a ponte se ver.
      Preguiça de ir ao carro ( 100m )buscar uma teleobjectiva,

      Um beijo ( Por aqui está tudo bem, felizmente ).

      Eliminar
  2. Bom dia:- Por vezes viaja-se para o estrangeiro sem se conhecer Portugal. Contra mim falo. Bem vistas as coisas, Portugal, tem lugares e locais de uma beleza ímpar. Este é um deles.
    .
    Uma feliz Terça-Feira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem quiser conhecer bem Portugal, tem muito que andar e não é pelas AE !

      Um abraço, caro Ricardo Valério.

      Eliminar
  3. Bela perspectiva, João !
    O interior também tem o seu encanto...
    Bem-hajam os olhos que o descobrem em cada curva de rio, em cada encosta... e o vão dando a conhecer em regiões "escondidas" de quem nunca se aventurou por tais paragens.
    Beijinhos e uma boa 3ª feira por enquanto de céu azul...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E estava já desesperado por não encontrar este exacto local...
      Afinal, até me tinham dado as indicações correctas !
      Imaginei que a foz do Côa fosse mais perto e por isso não dei à primeira passagem.
      Conheço razoavelmente este torrão. Mesmo assim, há muitos lugares onde nunca fui.
      Mas já subi a Serra Amarela a partir do Lindoso e descendo para o Rio Homem.
      Bons tempos !...

      Um beijo grato e muito amigo.

      Eliminar
  4. A ponte situa-se na margem esquerda. Neste caso, uma ponte não liga as duas margens?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nao, BEA.
      Então os rios não têm afluentes ?
      Informei que era uma ponte da desactivada Linha do Douro ( no caso, na margem esquerda do Rio Douro ).
      Mas o final do meu texto na postagem contem um erro e ficou tudo baralhado.
      As minhas desculpas ( Só dei por isso agora ! ).

      Um beijo e obrigado.

      Eliminar
  5. Rio Côa, não temos um com esse nome aqui. Em geral repetimos muitos nomes de Portugal. Esse ainda não vi.

    ResponderEliminar
  6. Uma paisagem de grande beleza, mas muito esquecida e desconhecida pela grande maioria dos portugueses. A grande maioria só quer saber de praia e dos Algarves.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso mesmo, Remus e para quem vem de Castelo Melhor fica surpreendido com a paisagem que lhe é proporcionada.
      Infelizmente já passava das 14:00h e ainda não tínhamos almoçado.

      Eliminar
  7. Uma paisagem linda.
    Estava nos meus planos ir de novo ao Douro, mas esta pandemia, trocou- me as voltas.
    Já andei por aí.

    Beijos João

    ResponderEliminar
  8. Mas no pico do Verão é insuportável o calor à hora que lá estive.
    Pode ser que dê para ir a seguir ao Verão, Manu.
    No Outono tens o vermelho e o doirado das vinhas.
    Mas aqui ainda é a Beira Alta. A Quinta de Ervamoira fica muito perto ( uma das mais belas de Portugal ! Uma que, tal como as gravuras, também NÃO SABE NADAR, mas produz excelentes vinhos *****, marca RAMOS PINTO ).
    Conheces o Museu do Côa ?
    - Uma obra maravilhosa.

    Um beijo amigo.

    ResponderEliminar
  9. ... imagino-me lá em baixo descendo pagaiada sim pagaiada não envolto naquele silêncio que não é silêncio ... mas sim um contemplar agradecido ... ( que foto ... e grato pela explicação ...)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ali só o silêncio é interrompido por um certo piar que nunca se sabe quando e donde vem para nos sobrevoar.

      Obrigado e um forte abraço, caro Rasuras.

      Eliminar
  10. Caro amigo :
    Sonho que o seu comentário tem a ver com o que respondi ao RASURAS.
    Se assim foi, esclareço que os meus comentários e os do Rasuras são cifrados e só nós os dois os entendemos.
    Aqui nem o Rui Pinto era capaz de entrar !
    Portanto, não se trata de nenhuma ave agoirenta.

    Um abraço grato.

    ResponderEliminar