.

segunda-feira, 11 de junho de 2018

DENTE DE LEÃO

© João Menéres



POPULARMENTE CONHECIDA EM PORTUGAL
POR DENTE DE LEÃO
PERTENCE AO GÉNERO TARAXATUM.


23 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Não sei por que na minha infância via muitas dessas flores. Por aqui sumiram.

João Menéres disse...

EDUARDO

Tive muitadificuldade em a captar :
Foi a falta te sol ( que a faria brilhar ! ).
Foi a minha posição deitada, que não era nada cómoda, e não consegui melhor definição.

Mas por aqui ainda as há. Mas sempre rasteiras e em locais nada propícios.

Os olhares da Gracinha! disse...

Por aqui há muito e a minha meninice por vezes vê o seu esvoaçar!!!
bj

Li Ferreira Nhan disse...

O Edu tem razão, também não as vejo mais...
A foto está fantástica João!
Beijo querido.

João Menéres disse...

GRACINHA

Se houver vento é um ar que se lhes dá !...

Um beijo e obrigado.

João Menéres disse...

LI

Acredito que o Eduardo tenha razão, mas a foto não está à minha maneira !
Se apanhar outro, tentarei fazer melhor, prometo.

És uma querida amiga, sabias, Li ?

Remus disse...

Esta fotografia é publicidade enganosa. Ou melhor, o comentário que deixou hoje no meu tasco, é que é publicidade enganosa. Onde é que esta sua fotografia está "um tanto não focadas"?
Eu não vejo nenhum problema na focagem. Noto que a focagem está nos "pelinhos" do dente-de-leão.
Na minha opinião, está uma fotografia bem alcançada.

bea disse...

é impressão minha ou esta foto - ou uma muito semelhante - já por aqui andou?

L.Reis disse...

Quero soprar, quero soprar!!! Posso? Posso??? Vá lá, tu deixavas! É que mesmo sem o dente de leão ainda fica muito para ver, naquele fundo que de dilui em aquarela de tons.

João Menéres disse...

REMUS

Eu ontem estava muito cansado ( e hoje também, por acaso ) e quando a postei em formato menor ( embora com possibilidade de ampliarem ), foi para ver se escapava a muitas críticas que me pareciam vir a ser justas.
Mas hoje, mesmo fatigado como disse, já não garanto que esteja desfocada...
A si agradeço ter contribuído notoriamente para a minha paz de espírito.

MUITO GRATO, portanto.

João Menéres disse...

BEA

Não, esta não é de certeza !
Foi executada no ÚLTIMO sábado, pº pº.
Mas que é um TARAXATUM é.

Um beijo grato e amigo.

João Menéres disse...


L. REIS

Deixava ?
- E CONTINUO A DEIXAR !!!
Há mais, onde é que agora existem não sei por ser já noite...

Aquela hora ao fim da tarde, ia iniciar uma reunião que terminou já passava das 20:40
no escritório do cliente., ali ao pé do Palácio da Bolsa.
Fica comprovado que não te impeço de nada. Nem de soprar ao dente de leão !

Estás a dar-me baile quando escreves naquele fundo que se dilui em aquarela de tons, não estás ?
- Confessa lá, vá !

BjKa.

Pedro Coimbra disse...

Hoje é dia de plantas.
Já é a terceira que me aparece nos blogues que normalmente sigo.

João Menéres disse...

PEDRO COIMBRA

É a Primavera que se finda e o Verão se anuncia...
Pode ser uma razão.

Forte abraço.

Rasuras do Aparo disse...

... cheguei a tempo ... porque lhe deixam fazer tudo! ... agora até que ia soprar! ... e eu já não teria o prazer de ver o dente de leão com tal pormenor ...

João Menéres disse...

RASURAS

Esteja descansado que a minha amiga nos próximos dias não sai do sítio dela.
Não lhe dei ordem !
Mas,no Domingo até podiam soprar os dois...
E porque não, um de cada lado ( sem perdigotos, é evidente ) e eu a fotografar o tufão, claro.

Um grande abraço.

Agostinho disse...

Esse ladrão do leão é tramado. Multiplica-se e a gente nem dá por isso. Se escapa algum, no ano seguinte... Há-os sempre no meu jardim. O mal é que não correm, voam e a gente nem vê.

Abraço.

João Menéres disse...

AGOSTINHO

Que interessante o modo como fala deste DENTE DE LEÃO !

Obrigado e um abraço.

Ana Freire disse...

Uma flor que nem sempre é muito fácil de encontrar por aqui, nesta zona... o vento, é quase sempre uma constante...
Uma imagem encantadora, pela sua suavidade!... Da própria flor... e do fundo, com umas tonalidades igualmente softs...
Beijinhos
Ana

João Menéres disse...

ANA FREIRE

E o tempo estava muito mau e a posição que encontrei para fotografar não era nada, mesmo nada cómoda !

Obrigado pelo teu comentário

Um beijo, querida amiga.

DiDa disse...

Na minha terra pertencia à família do
- o teu pai é careca?
E lá ia uma sopradela para ver quantos pelos restavam.
O Joao deitou-se com o dente de leão?
Entao esta planta é apenas e só loira mas nao é burra🤔
Gosto deste tipo de destaque. Simples mas muito interessante.

João Menéres disse...

DIDA

Também quando era menino e moço ouvia isso lá no jardim de casa !
Não é burra, não, mas frágil...

Um beijo muito atrasado, Desculpa, sim ?

Isabel disse...

Que lindo!
Aqui há dias vi um monte deles, mas não deu tempo de tirar fotos:(

Beijinhos:)))