.

terça-feira, 20 de março de 2018

AMOR DE PERDIÇÃO

© João Menéres



ESCORRE O SANGUE EM LÁGRIMAS...

22 comentários:

bea disse...

Muito camiliano. Mas prefiro o "Maria não me mates que sou tua mãe". Como título, tem mais speed.
Bom Dia:)

João Menéres disse...

BEA

Há uma justificação.
Há-de aparecer...


Um beijo grato e amigo.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Gostei bastante deste trabalho amigo João.
Um abraço e boa Primavera.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

João Menéres disse...

FRANCISCO OLIVEIRA

Agradeço o seu elogio, meu caro.

Um abraço.

© Piedade Araújo Sol disse...

A foto está original.
Não associei a legenda, mas deve ter a ver com o local onde foi captada a foto.
Boa semana.
Beijinhos
:)

João Menéres disse...

PIEDADE

A tua suposição está corretíssima !

Muito obrigado pelo comentário.

Um beijo amigo.

Maria Manuela disse...

Realmente, quanto sangue por ali chorado feito lágrimas !
Adorei ver.
Tão belo aqui como lá e... "mais não digo"...
Beijinho, Joãp.

Eduardo P.L. disse...

Muito enigmático para meu pobre cérebro....

Rute disse...

João

Que bela fotografia esta! Adoro a textura, a cor e o misterioso titulo

1 beijinho

L.Reis disse...

... a bem dizer, gosto de tudo nesta fotografia, deste a geometria que se esconde na transparência, até à velada sobreposição de vermelhos. O sangue bem que pode escorrer em lágrimas quando é pretexto para imagens assim.

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Pelo interesse que na ocasião demonstraste, até antecipei uns dias esta postarem !...

Um beijo amigo e grato pela tua presença.

João Menéres disse...

EDUARDO

Apenas sombras projectadas numa ombreira...

João Menéres disse...

RUTE

E se eu te disser que Camilo Castelo Branco esteve por aqui preso por duas vezes por desvario dos seus amores ?
E que faleceu a 16 de Março ajudará ?


Um beijo amigo e obrigado.

João Menéres disse...

L. REIS

Tudo é imaterial...
Para ser mais correcto, digo : tudo é virtual !
À RUTE já muito desvendei.
Para ti, agora, é Branco é, galinha o pôs !
-:) -:)


BjKa.

Isabel disse...

Gosto imenso da foto, assim a atirar para uma pintura!

Beijinhos e continuação de boa semana:)

João Menéres disse...

ISABEL

Muito obrigado, Isabel.
Não perguntei aos meus olhos o que viram eles...


Um beijo muito amigo.

Pedro Coimbra disse...

Vou esperar pelo seguimento para poder comentar com mais fundamentos.

João Menéres disse...

PEDRO COIMBRA

Aqui, propriamente, não há continuação.


Um abraço.

Rasuras do Aparo disse...

... se o sangue escorre em lágrimas não sei ... mas que por vezes flui em alvoroço lá isso ... flui ...

João Menéres disse...

RASURAS

É da massa do dito...


Grande abraço.

Remus disse...

Será esquina? Será canto? Será vidro? Será reflexo? Será sombra?
Não sei...
O que sei é que está uma fotografia belíssima. Um grafismo irrepreensível.

João Menéres disse...

REMUS

Uma das suas hipóteses é a resposta !

Mas qual ?

:-)

Obrigado pela apreciação.