.

sábado, 27 de julho de 2013

HOMENAGEM PÓSTUMA A UM GRANDE ARTISTA E AMIGO.


© João Menéres


Faz hoje,  13 anos que AMÂNDIO SILVA

nos deixou.

Perdi um indefectível AMIGO,

que sempre me ajudou e incectivou.

Com Júlio ResendeÂngelo de Sousa e José Rodrigues ( o único que está vivo ) participou na realização plástica do espectáculo do "Dia de Portugal", na Exposição Universal de Osaka de 1970.

Pintor, professor e artista plástico, também se dedicou as artes gráficas.

Esta tapeçaria é uma das muitas que se encontra
no Hotel Porto Palácio, na Av. da Boavista.

Paz eterna à sua alma.

( Porto, 1923 / Porto 2000 )


26 comentários:

myra disse...

que trizteza para voce e que perdida para o mundo das artes!

expressodalinha disse...

Ele era casado em segundas núpcias? Pergunto porque talvez conheça a mulher...

Ana Bailune disse...

Bom dia, João. Se existe o outro lado, ele deve estar feliz por ser lembrado, mesmo após tanto tempo. Bela homenagem.

João Menéres disse...

MYRA

Ainda sinto muito a sua falta...

Um beijooooooooooooooooooooooooo

João Menéres disse...

JORGE

Positivo.
Enviar-lhe-ei um mail mais pormenorizado.
Positivo.

Manuela Mendes disse...

Uma preciosidade!
Tudo a desdobrar-se em cores e formas...jogando xadrez até ao infinito...
Esta tapeçaria tem título?
Terá alguma coisa a ver com a imponência daqueles gansos?...

Artistas com A grande mereciam ser eternos... mas a obra que fica fala por eles... e a Amizade é inesquecível...continuará a falar também...
Lamento, João, a perda do Amigo e Artista. E recordá-lo hoje, aqui, de certeza o fará sorrir e sentir-se feliz, algures...

Um beijinho
Maria Manuela

João Menéres disse...

ANA BAILUNE

Para quem parte, há sempre um outro lado. sempre
Para quem fica, há um enorme espaço carregado de saudades e recordações.

Do Amândio Silva não preciso que chegue este dia para me lembrar, pois tenho-o sempre bem presente.
O grau da sua cultura, especialmente em ARTES, era verdadeiramente notável.
No Google,( procurar em Amândio Silva / Pintor ) há bastante mais
informação.

Já houve uma grande homenagem, no Museu Nacional Soares dos Reis e também na Cooperativa Árvore, aqui no Porto, no ano de 2006 e a família assumiu a direcção da edição de uma grande Monografia, onde naturalmente colaborei com muito trabalho fotográfico.
Também possuo uma obra de Amândio Silva a quem pedi que fizesse algo com barcos à vela. No final, insistiu em ma ofertar !
Qualquer dia, mostrarei aqui.
Era esta generosidade que sempre acompanhou Amândio Silva na vida !

Um beijo Amigo, Ana Bailune.

João Menéres disse...

MANUELA MENDES

Estou em Terras de Basto.
No Porto, talvez descubra se esta tem um título específico.
Como disse, no Hotel Porto Palácio, concretamente no Restaurante Madruga, existem 6 ou 8tapeçarias ( ai a minha memória...) com a mesma técnica !
E, cá fora, junto à entrada, existe uma cerâmica. Esta bem diferente e que me foi muito difícil fotografar.
Tem tapeçarias em inúmeros Palácios de Justiça ( e não só, evidentemente )e imensos vitrais em diversas igrejas.

Obrigado por me teres dado a oportunidade de dizer algo mais.

UM BEIJO MUITO AMIGO.

ZEKARLOS disse...

É bom relembrar os amigos que já não estão connosco e podermos fazer-lhes homenagens sentidas como esta. Abraço e bom fim de semana

João Menéres disse...

ZEKARLOS

Muito obrigado pelas suas palavras, mas esta homenagem, aqui no Grifo Planante, é bem pobre para o valor do Artista e do Amigo.

Um abraço.

Helena Prata disse...

Uma bonita homenagem acompanhada por uma belíssima obra de arte. Os artistas nunca desaparecem pois temos as suas obras para nós recordarmos da sua genialidade e da mesma forma para os amigos, ficam sempre as recordações vivas dentro de nós.

João Menéres disse...

HELENA PRATA

Nada mais certo !
Muito obrigado pela tua presença e pelo comentário que me tocou especialmente.

Um beijo.

Li Ferreira Nhan disse...

Verdadeiros amigos estão sempre conosco João.
Não conhecia o trabalho dele.
Este aqui é bem colorido e com muito movimento e ritmo. Gostei muito.
Logo vou ao google buscar mais.
Beijo querido e um bom domingo!

João Menéres disse...

LI

Muito obrigado pelas palavras.
Se estás interessada, vê em Amândio Siva / Pintor.

És uma boa amiga !

Um beijo, LI querida.

Luísa disse...

Sabes que gostei muito?
- Gostei do sinal de amizade viva!
- Gostei do quadro animado, com ideia de movimento eterno!
- Gostei das palavras escritas pela emoção da perda, num momento de homenagem!

Gosto de gostar de ti, pelos sinais de boa pessoa que nos vais deixando!
Mil beijinhos

Kaipiroska disse...

O quadro é lindíssimo João :)

Rasuras do Aparo disse...

... amizade é isso mesmo ... lembrança ... sempre ...
A tapeçaria é magnífica

João Menéres disse...

LUÍSA

És um encanto de uma pessoa !
E mais não digo...

Um beijo muitíssimo grato.

João Menéres disse...

CARIN

Uma pequena rectificação : Trata-se de uma tapeçaria, como digo no texto.

È uma série fabulosa !

Um beijo.

João Menéres disse...

RASURAS DO APARO


É mesmo, meu estimado Amigo.

E não só dos que partiram...

Um forte abraço.

Remus disse...

Vi a fotografia e pensei que seria um quadro. Mas depois li o texto associado e aprendi que é uma tapeçaria. Se já gostava do que estava a ver, sendo agora uma tapeçaria, o meu encanto e admiração ainda é maior.

Bonita homenagem. É necessário não deixar as pessoas morrerem no esquecimento.

ANRAFERA disse...

Hola Joäo, felicitaciones por este bonito homenaje que le realizas a tu amigo.
Grato recuerdo me ha traído este tapiz, pues precisamente cuando estuve en Porto, con mi mujer, nos quedamos en este Hotel.
Ya en su momento, cuando lo vi, me encantó es muy original y creativo.
Saludos.
Ramón

João Menéres disse...

MANUELA MENDES

Esta tapeçaria tem por título
Quarta Janela do Tempo .
E tem as dimensões de 225x250 cm.

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

RAMÓN

Que bom teres visto esta e as outras tapeçarias do
Amândio Silva !
Como dizes, vê-se que não exagerei nos encómios ao GRANDE ARTISTA !

Bem hajas, meu caro Amigo.

Te abrazo.

Manuela Mendes disse...

Muito obrigada, João!
Belo título! Talvez um misto de filosofia e simbolismo...
Só quem o conheceu, poderá interpretar a transcendência deste título...
Dizem que em diferentes fases da vida, se vê o Tempo por janelas diferentes...
A ser verdade, pelas cores e formas nesta "Janela", o ritmo seria vertiginoso!...

E pelas dimensões deve ficar muito bem na parede onde se encontra...
Obrigada por ter dado a conhecer, de maneira tão delicada e emotiva este seu grande Amigo e Artista!
Irei ao google.

Um beijo muito amigo
Maria Manuela

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Já tinha alguns problemas de saúde, mas nunca se deixou abater por esse motivo !

E era dono de um humanismo muito raro de encontrar !
Sobretudo depois das "amplas liberdades"...

Quando me solicitava um trabalho mais especial, só me dizia : Faça o que sentir !
E foi assim, que me vim a desenvolver...
Deixava-me todas as JANELASescancancaradas !
Nunca me disse, qq coisa do género : Não era bem isso ...

Como ARTISTA, possuía uma facilidade tremenda de criar e de não se repetir.
Vou tentar descobrir um exemplar da Monografia num alfarrabista...mas tem que ficar para meados de Setembro.

Bem sabes como aprecio os teus comentários !

Um beijo não menos AMIGO.