.

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

VERDE, MEU VERDINHO...

© João Menéres


EM ÉPOCA DE AMARELOS,
PORQUÊ NÃO VOLTAR A OUTUBRO ?

AINDA O MILHO ERA VERDE...

17 comentários:

myra disse...

i, Joaoa, aqui ja faz tanto frio e sempre aqueele vento que detesto! e nao adianta te dizer que a foto é lindissima, voce ja sabe:))))bjos

Manu disse...

Pois!!!
:-*

Manu disse...

( sim, sou a manu world! ;-) bjnhs)

Ana Bailune disse...

Ai, que foto linda...

Anónimo disse...

... apetece correr entre os espaços delimitados pelo milho...
T

Luísa disse...

Verde, lindo milho verde!

Extensivamente bela é a tua foto!

Beijinhos mil

Eduardo P.L disse...

O verde conforta.

Maria Manuela disse...

Lindo título! Lindíssima legenda!

E, no meio, uma extensão imensa desse verde minhoto, feito de verdes vários...
Será que é só o verde do milho?! O milho verde da canção?...

Uma bela fotografia de mares verdes, cujas ondas alinhadinhas e, não só, reflectem todo o labor dos mareantes da terra...

Um beijo

L.Reis disse...

E mais verdinho que isto era difícil e até está penteado e tudo, para ficar melhor na fotografia :):)

João Menéres disse...

MYRA

Hoje o frio cedeu um tanto. Mas amanhã volta...

Obrigado e um
beijooooooooooooooooooooooooooooooooooo

João Menéres disse...

MANU ( I e II )

Achas que eu não sabia ?

Um beijo.

João Menéres disse...

ANA BAILUNE

Gentileza tua.

Um beijo grato.

João Menéres disse...

> T <

No outro dia, meti-me lá pelo meio e quase me perdi !
Aquilo é mais alto do que eu ( já sei que não devo nada às alturas : uns meros 170 cm ), que gostava de ter mais 10 cm e menos 20 anos...

Agora, já não há nada a fazer...

Um abraço.

João Menéres disse...

LUÍSA

Adorei esse teu > EXTENSIVAMENTE < !


Um beijo amigo.

João Menéres disse...

EDUARDO

O Verde ( vinho ) conforta, mas o tinto !...


Um abraço.

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Por vezes, qando não sei o que escrever, "boto" umas letras...
Tudo inspiração do fim da noite, enquanto espero que a L. REIS poste...

Tudo verde do milheiral, sim.
Este ano falhei a execução de um mar ondulado.
Estavam umas nuvens que sombreavam aqui e acolá.
É preciso também haver vento, claro.
Os mareantes são gente muito dedicada e amiga dos "patrões".

Um beijo.
Vamos a ver se em 2013 a faço...

João Menéres disse...

L. REIS

Pensavas que em Terras de Basto não havia cabeleireiras ?
Até uma pedicure, imagina !
Lá há tudo ( e mais barato !...)


Um beijo para a fotografia :):)
( Tem que ser à artista de cinema !...)