.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

PAREDE

© João Menéres


QUERO VER ATÉ ONDE VAI 
A VOSSA CULTURA NA PINTURA !

28 comentários:

Fatyly disse...

A minha cultura na pintura é baseada apenas no "gosto ou não gosto, diz-me algo ou não" e sendo eu sincera digo apenas que raio de parede mais suja...vou pegar na trincha e cair:):)

Desculpa João mas quem diz a verdade não merece castigo!

Beijocas sorridentes

Maria Manuela disse...

Que coisa!

-Parece um muro ou parede que foi pintada para esconder qualquer coisa (ainda há lá dois resquícios, nada de mal)e, depois faltou a tinta, usada antes em demasia.
Mas um pintor de paredes usa a tinta de outro modo


-Se é Pintura Contemporânea, a imaginação de cada um poderá interpretá-la ...

-Há várias camadas antracite, sobrepostas, que se diluem repentinamente, dando depois a impressão que ficam a escorrer ... e lá ficaram as duas "coisinhas", intencionalmente...

O pintor devia sentir-se muito mal
disposto, naquele dia!!

Que pretende exprimir ele com isto?
...Desespero?...Política?...

-Não sei. Não gosto!

Um beijo

João Menéres disse...

AGRADEÇO QUE COMENTEM !!!

Eduardo P.L disse...

A pintura tem SEMPRE muitas leituras! É um alfabeto. Depende de quem vê, e seus conhecimentos da "lígua"...!!!

ana disse...

Gosto desta parede. É uma cascata!
Beijinhos. :)))

Anónimo disse...

... quase que diria para tremuras
de Remus que seria L.R. mas não é... (assim lá liberei Remus dos xanax's nocturnos ) e não é L.R. porque a consistência de azul na tela não o permite ... mas será sempre uma visão possivel de L.R. se olharmos a dita pintura como a possibilidade de um alvorecer "Azul" ...
T

João Menéres disse...

Não se prendam ao título que dei ( PAREDE ).
Foi para despistar...

Anónimo disse...

João, pelo brilho parece foto de uma foto. Lembrou aquele artista português que vive no Rio. Tem um trabalho bem diversificado...
Beijo,
Li

Anónimo disse...

O Bárrio e anda por aí, mas acho que não é ele...
Li

AvoGI disse...

olha, dá um pincel ou brocha e já vês a pintura que faço em cima dessa.
estou com a fatyly nao catrapisco nada de pintura, só pinto.
e a propósito corto cabelo e pinto
kis :=)

Luísa disse...

Hummmm!
Parece um espirro de tinta branca numa superficie imensa de negra!
Parece um reflexo de luz num espelho improvisado!
Vinil riscado, numa prato rotativo de valsa!

Pintura? Talvez demagogia de tinta num encanto de contrastes. Experiências bem sucedidas, sme previsão nem medidas!
Gosto! Gosto muito!

João Menéres disse...

Continuem, continuem...
Não tenho pressa.

myra disse...

nao tem importancia de quem é, basta que seja otima!

Maria Manuela disse...

...Fiz referência, acima, à Pintura Contemporãnea mas, sendo esta tão vasta, voltei para tentar completar:

-A "Parede", como parece expressar, quanto a mim, sentimento de "desespero" (já acima referido), revolta, angústia, alguma coisa de dramático, talvez se possa inserir no "Expressionismo abstracto"...

-O branco luminoso, muito menor que
a área negra, poderá significar, na
minha linha de raciocínio, "uma luz
ao fundo do túnel", a qual se adivinha por pequeninos pontos luz e pequenas brechas na parte final do negro...

Um beijo

mfc disse...

Um abstracto surpreendente... e atractivo!
(E claro... uma muito boa foto!)

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Não deixas escapar o mínimo pormenor !
E é um prazer enorme acompanhar o teu olhar analítico!

Vou continuar a aguardar que outros SEGUIDORES se disponibilizem para deixar a sua opinião.

Um beijo muito grato.

João Menéres disse...

MFC

Agradeço a sua contribuição e a sua opinião, caro amigo.

Um abraço.

João Menéres disse...

DAQUI A UMA SEMANA, ESCLAREÇO, NESTE MESMO POST.
PROMETO !

Remus disse...

Confesso que a minha cultura na pintura é zero.
Sei qual é o quadro da Mona Lisa e pouco mais.
:-P

João Menéres disse...

REMUS

Também pedir o autor este, era ser muito exigente !
Por favor, regresse AQUI na próxima quinta-feira.

Um abraço.

luisa disse...

Isto é que é um post de encostar uma pessoa à parede... :)
A minha cultura em pintura deixa muito a desejar e nem com pesquisa trafulha no google consigo chegar a uma resposta. Podemos saber se a imagem revela a totalidade da obra ou só algum pormenor?

João Menéres disse...

LUÍA ( ALGARVE )

Não te deixes complexar por tão pouco !
Ninguém sabe ( nem pode ! ) saber tudo.

Esta imagem é uma boa parte da totalidade da pintura.
Aliás, é o essencial...

Através do Google, certamente, não chegarias lá !

Tem calma, muita calma, porque eu direi, conforme já informei.

Obrigado pelo teu muito empenho !

Um beijo e bom fim de semana.

CONCEIÇÃO DUARTE disse...

Lindo apenas lindo!

João Menéres disse...

CON

Que bom teres gostado !

Um enorme beijo.

Isabel disse...

Estou curiosa!
Já aqui tinha vindo espreitar.
Sabe o que me parece? Uma fotografia tirada num dia de chuva, com um foco de luz que provoca este efeito.

Enfim, foi o que me ocorreu.
Um beijo

(quinta-feira cá virei matar a minha curiosidade)

João Menéres disse...

ISABEL

Cá te espero, então.

Um beijo e bfs.

Isabel disse...

Pois, gosto mais desta.
É uma "pintura" mais sóbria.
A outra é mais artificial. E no entanto é a verdadeira, não é?

João Menéres disse...

ISABEL

Tens toda a razão. A outra éa REAL.
Esta levou as voltas que expliquei para a tornar mais pictórica.

Um beijo e obrigado.