.

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

SIMPLESMENTE

Photobucket
© João Menéres

No Arquipélago das Canárias (Ilha de Tenerife) deparámo-nos
com esta parede.
O que nos chamou a atenção: Em primeiro lugar, naturalmente
foi a iluminária, com a sua sombra projectada
numa magnífica textura.
Depois, aquele mero elemento decorativo, talvez a lembrar o Natal
que se aproxima a toda a pressa...

38 comentários:

tonholiveira disse...

Luminária simples...

Iluminou o fotográfo!

Genial esta imagem!

Abraços João!

Céu Vieira disse...

Simplesmente lindo!!!!
Beijinho João.

Jorge Monteiro disse...

Olá Amigo João
Excelente foto... é em algo parecida com a foto da torneira que está no meu blog.Bom fim de semana.
Abraço.

Menina do mar disse...

Dia de sol, parede caiada... magnífica imagem!
Bjs e bom fm-de-semana!

Chica disse...

Lindo,Jõao...Ver cada detalhe transmite o coração do fotógrafo...abração,chica

Wania disse...

Mesmo formada pela ausência de luz, as sombras proporcionam imagens luminosas!

Bela fotografia, João!
Bjs

Paula disse...

Sem dúvida que simples e LINDO!
Um abraço.

Deodato disse...

Boa sombra... Porque será que a sombra distorce sempre a realidade,será que é a realidade dos verdadeiros objectos e seres humanos. Cores excelentes. Gostei do seu Blog, foi-me recomendado por uma amiga comum. A nossa AMIGA BAL...

hasaliah disse...

João, Gostei como lhe chamou a atenção uma parede simples mas que o Sol transforma em papel de cenário .... de sombras. A simplicidade de um olhar, em que a beleza está nas pequenas coisas ,,,,

Um registo de "o Deus das Pequenas Coisas", de dois grandes artistas, um escritor e um fotografo,,,


um beijo da amiga BAL

Nanda Torres disse...

A sombra deu todo um charme na foto!
Adorei =)

Marta disse...

capta a beleza quem a tem dentro, João.

simplesmente bonita.

e isso do Natal e tal, João, nem me fale :) ...é um passo de Pardal, como diz o povo :)

um beijo

Luísa disse...

Alguém adornou o candeeiro,
com flores da cor do amor,
Para que ao passares na rua visses
Todo o seu esplendor!

É de ferro fundido
De cor negra e duradoira
O ramos ficou garrido
Para a moça de cabeleira loira!

Aquela parede caiada
Foi embelezada com luz
Iluminou a comunidade
Que a todos nos seduz!


Bela foto, Senhor!
Beijinho terno

Selena Sartorelo disse...

Mente que simples vê
Imagem que transcende
Complexidade que entende
E teus olhos compreendem simplesmente.

beijos João, bom final de semana para você e sua família.

Judite (Dite) disse...

Um olhar, uma interpretação!
A simplicidade aliada à imaginação e à beleza natural.
Simples e bela essa foto.
Um beijo,
Judite

expressodalinha disse...

A foto está linda. Não sei se será Natal ou alguma homenagem especial. Os canarenhos são muito devotos.

L.Reis disse...

As sombras são histórias vagarosas e breves contadas pela luz...
(Título muito apropriado uma vez que toda a qualidade desta imagem tira precisamente partido da simplicidade dos elementos que a integram...e é tão difícil chegar às coisas simples e roubar-lhes a "alma"...)

erupção_do_ser disse...

Belo pormenor, simples.. muito terra a terra...Belo resultado... beijo

João Menéres disse...

tonhOliveira

Meu caro ANTONIO: Os teus dizeres são breves, mas tudo dizem da tua alma de criativo brilhante.
Por isso, tanto as admiro sempre.

Obrigado pelo teu coração.

Um abraço que nunca se apaga.

João Menéres disse...

CÉU VIEIRA

Estou em dívida para consigo!
Tem-me sido muito difícil corresponder a muitas presenças tão estimadas no ninho desta ave que plana, plana...

Um beijo maior com a esperança de ser perdoado.

João Menéres disse...

JORGE MONTEIRO

A si também se aplicam (exceptuando o beijo que permuto por um abraço) todas as palavras que acima dirigi à CÉU VIEIRA.

A sua observação é muito pertinente. Logo fui ver a sua imagem da torneira. Tem toda a razão. Obrigado, também por isso.

João Menéres disse...

MENINA DO MAR

Dia de Sol ali na cidade, de chuva miudinha e nevoeiro na montanha...

A iluminária é sempre um recurso à mão.

Um beijo.

João Menéres disse...

CHICA

Pelas tuas palavras, é fácil saber que sabes VER. Também tens esse dom precioso.

Um beijo.

João Menéres disse...

WANIA

Uma poesia o teu comentário.
Por isso, OBRIGADO!

Um beijo.

João Menéres disse...

PAULA

Aparece (com visibilidade) sempre que puderes.

Um beijo agradecido pelo comentário.

João Menéres disse...

DEODATO

Veio por mão gentil e generosa.
Que bom para mim é verificar, a cada dia, a simpatia e a generosidade que em cada um há!

Os objectos e as pessoas não são imutáveis, nunca.
Os objectos degradam-se com o tempo, quando se não perdem por completo.
As pessoas (e só falo do aspecto exterior) também vão apresentando as suas alterações físicas.
Uma sombra é sempre um reflexo, embora visto de outro ângulo ou com um olhar diferente.

Agradeço o elogio ao grifo. Procuro alternar temas, técnicas, modos de ver, ambientes, enfim o que a minha capacidade permite em cada instante.

Retorne , DEODATO, as vezes que quiser e diga o que sente de cada imagem que veja.

Um abraço.

João Menéres disse...

HASALIAH

Agradeço ter indicado o meu blog ao seu amigo DEODATO.
Só posso ter palavras de constante agradecimento para a sua constante generosidade e amizade.

Viu muito bem o papel de cenário aplicado nesta parede. Está como que amarrotado. O momento em que lá passei, foi feliz. Só tive que VER e situar-me.

Referir (como paralelo) o nome da Arundbati Roy, logo premiada com o BOOKER PRIZE com esse seu maravilhoso romance (a sua primeira obra), a propósito desta imagem, ou de algumas outras eventualmente, é elogio que não veste o meu corpo.
Agradeço-o, claro está, BAL.

Um beijo grato.

João Menéres disse...

NANDA TORRES

E, eu na altura, ainda não conhecia o teu charme.
Caso contrário, nem tinha perdido tempo com o charme que esta imagem tem !
Rssssss.....

Obrigado pelo encanto das tuas palavras.

Um beijo.

João Menéres disse...

MARTA

Que piropo, meu Deus!!!
O interior é que conta, na verdade.

Bom, ainda temos o Outono, uma das mais belas Estações do Ano, pelo menos em muitas paragens.

Um beijo.

João Menéres disse...

LUÍSA

Que linda poesia me ofereces!
Sou um privilegiado, um felizardo ao ter tão boa gente sempre bem junto a mim.
Aquela pequena bola encarnada empresta à imagem uma magia espantosa a que não pude resistir.Só ela diferencia esta de outras imagens equivalentes.
O que muito bem cantaste no teu comentário.

Um beijo entre estas poesias.

João Menéres disse...

SELENA

Se não fosse considerado ser vaidade, transcrevia aqui o teu poético comentário.

Fui claro no meu agradecimento?

Um beijo, querida Amiga.

João Menéres disse...

JUDITE (DITE)

Como sabes, em simples palavras, tanta coisa deixar expresso!...

Um beijo e bfs.

João Menéres disse...

EXPRESSODALINHA

Nem às paredes confesso...

Um abraço.

João Menéres disse...

L.REIS

Um título antológico!
(Fica registado, para o que der e vier).
Fantástica, como sempre!!!

Trouxe só uma parte da sua alma. Não tive licença para mais.

Um beijo iluminado para ti.

João Menéres disse...

ERUPÇÃO_DO_SER

Muito terra-a-terra, que é como quem diz, muito parede-a-parede.
Rssss....

Há algum tempo que aqui não escrevias (ou estou já desmemoriado? É que tenho andado em correrias e os neurónios estão baralhados).

Um beijo.

sonja valentina disse...

simplesmente... fantástica!

ps.: obrigada pelo seu comentário no "há vida em marta".

bom início de semana!

beijinho.

João Menéres disse...

SONJA VALENTINA

Obrigado pelas tuas palavras elogiosas e pela atenção do comentário.
Desculpa o atraso do agradecimento mas, na verdade, só agora o vi.

Um beijo.

Susana Garcia disse...

gostei desta foto ,é simples como o titulo do post,é simplesmente bonita e simples.
beijinhos

João Menéres disse...

SUSANA

Ao tempo que te não deixo um comentário...
Obrigado pelas palavras bem simpáticas.

Um beijo.