.

sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

FUNCHAL ( 2 )

© João Menéres

UMA PORTA COM TEMPO DE
MUITAS HISTÓRIAS...



20 comentários:

Luísa disse...

Uma porta....mil entradas e saídas!
Passaste ao lado e apanhaste-a!
5h oras 5 portas no Funchal?
Bjnhs de hoje

Eduardo P.L. disse...

Portas continuam sendo uma das suas especialidades. Parabéns.

Isabel disse...

Muito bonita!
Com muitas histórias e com história. Gosto do enquadramento desenquadrado.

Beijinhos e bom feriado:)

João Menéres disse...

LUÍSA

No Funchal desta vez só fotografei duas portas.
Estava calor ( 12 de Novº ) e almocei à sombra na esplanada do Café da Catedral.
Tinha esta porta diante dos olhos.Tive a sorte da carrinha que estava ali mesmo estacionada ser de uns músicos do Paraguai que terminada a actuação e recolhidas as moedas do peditório foram actuar para outra área, pelo que retiraram a viatura.
Logo me levantei da mesa e aproveitei a oportunidade.

Um beijo amigo e obrigado.

João Menéres disse...

EDUARDO

Além de apreciar portas e janelas, não me esqueço que são um motivo do agrado de muitos dos meus seguidores !

Forte abraço.

João Menéres disse...

ISABEL

Ainda bem que és uma SEGUIDORA atenta !
O trabalho de cantaria tem séculos !
Lamento, nesta altura, ainda não estar habilitado a dar mais informações.

Um beijo ( e já chuvisca aqui no Porto ).

Remus disse...

E que histórias serão essas?
Será que são histórias de traição? De humor? De paixão? De ciúme?...
Vamos ficar na ignorância, porque infelizmente a porta é muda e não fala.
:-D

E pelos vistos no Funchal não são adeptos de usar acentos nas palavras. Na minha santa terrinha, alfandega tem acento circunflexo no segundo a.
:-)

João Menéres disse...

REMUS

Esta porta é recente e, por certo, não tem muito para contar...
Já lá dentro, não digo o mesmo.

Também não sei o significado da seta para a nossa direita uma vez que aqui é fim da Rua da Alfândega...

Elvira Carvalho disse...

E bem bonita.
Um abraço e bom fim-de-semana

lis disse...

Voltando de uma temporada ausente dos blog's, venho deixar-te um abraço e dar uma espiadinha no que tem fotografado nesse País bonito.
Também sou fã de portas e janelas_e a sua está bem interessante _ apesar de incrustada na pedra, parece frágil .
Fica o abraço ao João.

Maria Manuela disse...

Não me é estranho, não, este portal quinhentista !...
Saudades até da pedra corroída...
Beijinho e obrigada,,,

João Menéres disse...

ELVIRA

Precioso trabalho de cantaria, de facto.
Foi construída por ordem deu nosso Rei D. Manuel.


Um beijo e obrigado.

João Menéres disse...

LIS

Veremos se alguma porta que tenha fotografado em Salvador ou no Rio te agrada mais.

Um beijo, querida amiga.

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

É abaixo da Catedral e pertinho da Estrada do Mar...


Um beijo amigo e grato.

Agostinho disse...

As portas são como os corações,
São duas as suas funções,
Abrem-se e fecham-se consoante as ocasiões.
Muito bem captada a porta.
Abraço.

João Menéres disse...

AGOSTINHO

Não foi muito fácil dado o total contra-luz.
Muito obrigado pela sua apreciação, caro amigo.

A chuva parece que não vai faltar para alegrar a terra e os rios.

Um abraço e bom fim de semana.

myra disse...

amo portas e janelas, e vejo que voce tambem! sao lindas!
bjos

João Menéres disse...

MYRA

Vou mostrar várias que fotografei também em Tenerife, Salvador da Bahia e em Buenos Aires.
Há vários seguidores que gostam e por isso procurei trazer novidades.

Um beijo, querida Myra.

Rasuras do Aparo disse...

... são sempre elas que nos encantam contem a história na totalidade ou omitindo parte dela ... explanando a sua versão no tempo...

L.Reis disse...

E que bem emoldurada que ela está! Uma porta sobre a qual ninguém pode dizer que não sabe onde fica :):)