.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

UMA PORTA SIMÉTRICA...

© João Menéres


EU GOSTO !
GOSTO DESTE TRABALHO
CUIDADO NAS ALMOFADAS.
DOIS RECTÂNGULOS. 
QUATRO CÍRCULOS
E DUAS ELIPSES.
ADICIONEM-SE AS LINHAS,
COZA-SE TUDO 
NUMA BOA MADEIRA
E TEMOS UMA RICA PORTA.
NA FACHADA, AZULEJOS RELEVADOS.
UM RICO CONJUNTO,
DIGO EU...

32 comentários:

Pedro Coimbra disse...

E eu confirmo!
Maravilha.
Aquele abraço

Presépio no Canal disse...


Uma bela porta, sem dúvida!
Muita preciosidade nos traz os teus olhos atentos!

Beijinhos! :-)

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Muito rica, sem dúvida. Belas simetrias!
Abraço

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Destas já não se fazem.
Um abraço e boa semana.
Andarilhar || Dedais de Francisco e Idalisa || Livros-Autografados

Jorge Pinheiro disse...

Muito bonita e original.

bea disse...

As almofadas são simétricas, sim.

luisa disse...

Muito bonita. Gosto de imagens de portas e de janelas também. É uma questão de desenho e de também de imaginação sobre o que escondem ou desvendam. :)

DiDa disse...

E se mexermos na foto rápido o trabalhado na porta move-se. Fantástico.
Será dos meus olhos?

Os olhares da Gracinha! disse...

E dizes mui bem pois a escolha é perfeita!!! ... e o olhar atento!
Bj

Rasuras do Aparo disse...

... ora aqui está uma porta que ... que se ela tivesse uma porta assim ... não lhe saía da porta ... ao que ela afirmou : " ainda bem que a minha porta é de alumínio nem bonita nem feia normalíssima ..uf! estava a ver que não me livrava deste ... " mas voltando à porta eu também não tenho uma porta assim , mas que gostava ...gostava ... ficaria do lado de fora admirando-a ... pensando mesmo como uma porta pode ser tão bela ... e escolher tão bem a sua fachada ...

JANE GATTI disse...

Adoro portas! Além da beleza que muitas delas (como a retratada) nos proporcionam, representam o mistério, o inesperado, o inusitado. O que haverá por trás dela? O frescor após um dia escaldante (como hoje por aqui)? O olhar acolhedor, as palavras carinhosas? Ou o oposto: a rejeição, a aspereza... Cada porta esconde uma vida inteira, basta virar a chave...

María Perlada disse...

Me gusta esa puerta.

Un beso.

Ana Bailune disse...

Olá, João!
Uma porta antiga... quantos já entraram e saíram por ela?

Maria Manuela disse...

Linda !
E meticulosamente alinhada, diferente... seja lembrando seus sulcos, malmequeres de centro crivado... ou rodas de bicicleta ancoradas em leques (!)... não vão elas desprender-se... dada a incidência da luz e consequente ilusão de um movimento mais brusco...

E os olhos ? Lá por estarem na vertical, não deixam de o ser... e até lembram os de uma certa ave... que ao planar, não deixa escapar e registar excelentemente o que gosta e a surpreende... surpreendendo depois os amigos...

Divagando pela ornamentação de uma bela porta que oculta, certamente, a história de várias gerações...
Beijinho, João. :)

mariam [Maria Martins] disse...

Linda! Também gosto muito! (aprecio o tema, portas, janelas, fehaduras, aldrabas e outros detalhes ... ) beijinhos :)

João Menéres disse...

POR ABSOLUTA FALTA DE TEMPO, VEJO-ME OBRIGADO A FAZER UM AGRADECIMENTO COLECTIVO AOS COMENTADORES QUE JÁ POR AQUI DEIXARAM AS SUAS IMPRESSÕES SOBRE ESTA PORTA.
LAMENTO IMENSO.
A CADA UM, O MEU MUITO OBRIGADO E AS MINHAS DESCULPAS.
BEIJOS / ABRAÇOS.

Vieira Calado disse...

Olá, meu caro!
Como tem passado!
Penso que esse tipo de portas (e janelas) era coisa que este país devia cultivar,
Já que não cultivam a terra...
Um forte abraço!

Eduardo P.L. disse...

Bela porta.

João Menéres disse...

VIEIRA CALADO

Veremos se este verão conseguimos marcar um jantar !
Já o sugeri à Fátima...

Muito ocupado permanentemente com tantas coisas bem diferentes !...
O tempo para a leitura resume-se a parcos minutos, infelizmente.
Mas tenho passado bem, muito obrigado.

Um abraço com muita amizade.

João Menéres disse...

EDUARDO

É para compensar outras mais simplórias...

Remus disse...

Eu também gosto.
Acho que é uma porta com a história e intemporal. É uma porta que será sempre elegante e estará sempre na "moda".

Não parece-me que seja muito alta. Mas para mim, que não sou alto, acho que entrava e saía sem bater com a cabeça no beiral da porta.
:-P

Ana Freire disse...

A porta sem qualquer dúvida...
A rua é que é ligeiramente inclinada, como dá para ver na soleira da porta...
Curiosos efeitos... muito pouco usuais... pelo que está aqui um belo achado, João! E muito bem registado!
Beijinhos!
Ana

Luísa disse...

Porta lindíssima!
Será "Simetria", pois então!
Mil beijinhos

João Menéres disse...

REMUS

A Vila da Feira é uma terra evoluída e não se descarecterizou, felizmente.
A origem da minha ascendência paterna é daqui.
Na verdade, esta porta não é muito alta mas o Remus nunca correrá o risco de bater nas portas que apresento !

João Menéres disse...

ANA FREIRE

Gosto de deixar um bocado do passeio para se perceber melhor...
De facto, este trabalho decorativo não é nada frequente.
Quem, nos dias de hoje, poderia dar-se ao luxo de desejar tal ?
Nem seria valorizada, por certo...

Um beijo e muito obrigado.

João Menéres disse...

LUÍSA

Sendo SIMETRIA, não vai para tal...

Um beijo amigo.

Agostinho disse...

Uma porta das antigas, bonita.
Houve aqui a pretensão de simetria que, como se sabe, é impossivel.
Não escapou ao caçador de imagens inéditas: João Menéres.
Abraço.

L.Reis disse...

Gostas tu e gosto eu. Vivemos num tempo em que as coisas são tão insípidas e sem graça (incluindo as portas) que dá gosto parar e apreciar algo de uma época em que os detalhes ainda eram coisas importantes.
Um belo achado para quem anda de máquina fotográfica em punho :)

myra disse...

gostei muitooooooooooooooo!

João Menéres disse...

AGOSTINHO

Como diz e muito bem, a verdadeira simetria não existe !
Lá vou continuando em busca de imagens, sempre.
Mas não é tarefa fácil, sobretudo para quem pouco tempo para tal.

Um abraço agradecido num Domingo meio primaveril.

João Menéres disse...

L. REIS

E quando a ponho ao pescoço é cá umas dores na coluna que me torço logo.
Bem gostaria de ter a verticalidade dessa porta, porque andar com a camera na mão não é muito o meu jeito.

Ontem vi portas de alumínio em fachada com traça. Não entendo como autarquias tudo consentem.

Um beijo, L. REIS.

João Menéres disse...

MYRA

Saúdo o teu regresso à vida do grifo que plana !

Um beijo e muito ânimo.