.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

FOI HÁ 37 ANOS...

EM 19 DE OUTUBRO DE 1974,
VINICIUS DE MORAES
ESCREVEU UM POEMA


COMO EMBALAGEM DE
UM PRESENTE.



"Sim, minha Amada, eis tua casa nova
Feita de praia e mar e sol e ventos
E grandes céus azuis e dunas brancas
E imensos coqueirais e muito sonho
E muita solidão. Tu a decoraste
Com o melhor do teu gosto, tua graça
Tua altivez e tuas artimanhas
De índia. Amiga minha. Toma-a
É tua casa, simples e concreta
Tua, só tua, imensamente tua
Para que nela vivas sempre nua
Com teu céu, com teu mar, com tua lua
E o triste e amantíssimo Poeta."


O PRESENTE ERA UMA CASA.
UMA CASA QUE OFERECIA 
À SUA  GESSY GESSE.


Os arquitectos Jamison Pedra e Sílvio Robatto,
baianos amigos do Poeta, foram solicitados a traduzir
o sonho em linhas e hexágonos.


Aqui viveriam o amor
até 1977...










No seu interior encontram-se
várias peças, tanto esculturas, 
como pinturas, do artista Udo Knoff.

Vista do interior do piso térreo
 para o jardim para os coqueiros e para o mar.


Vinicius casou nove vezes.
Gessy Gesse foi a sua 7ª mulher.


Não sei a quem prometia
fidelidade neste soneto,
escrito no Estoril ( Portugal),
no ano de 1939...



© João Menéres



38 comentários:

myra disse...

Joao, isto tudo é uma maravilha...Vinicius era incrivel eu fui amiga de uma de suas mulheres,se me lembro bem ela chamava-se Leila ou Lila..... e tive a sorte de o conhecer...
parabens a voce por colocar este belissimo post!

Maria de Fátima disse...

e fico a pensar no móbil deste post...se seriam os poemas ou a paisagem, ou se seria a arquitectura, ou se seriam, subreptícias, as nove mulheres do poeta
beijinho João Menéres e muito obrigada

Eduardo P.L disse...

Um bom bahiano, visto por um bom português do Porto!

expressodalinha disse...

Que mania que eles tinham de se casar!

expressodalinha disse...

Já agora: em 2013 é o centenário do nascimento de Vinicius.

Isabel disse...

Um bonito post.
Gostei particularmente do poema e do castiçal de folhas e rosas.
(Agora já sei onde encaixa - muito bem - o poema)
Um beijo

Mauro M. disse...

Vinicius é admirado também por seus incontáveis e cantados amores, infinitos enquanto duraram .

ana disse...

João Menéres,
Tudo tão bonito, principalmente a alma que ressalta de Vinicius.
Um passeio fantástico este que fez.
Parabéns pelo post.
beijinho.:)

Anónimo disse...

Adorei a reportagem!!! Que bem retrata esse poeta!
Li algures (há muito tempo) que, numa entrevista, ele terá dito qualquer coisa deste tipo: "Se pudesse me chamar a mim mesmo à nascença, me teria chamado de Vicius Imoraes".

Mena

byTONHO disse...



"Um Vi.ni.ciado (em mulheres) de Moraes!"

Gostei do a.bunda.nte "harém" eternizado na parede!

O espiral/floral, também é muito BELO.
Delicadíssimo!

Ah! ah! ah!

:o)

Li Ferreira Nhan disse...

Bela seleção de fotos; adorei João!

Vinícius sabia bem a alma feminina.
um beijo querido!

Georgia disse...

Joao, Vinícius ficou famoso por suas músicas, tao cheias de sentimentos.

Para mim a fidelidade está acima de muitas coisas. Jamais poderia ser feliz ao lado de um homem assim, mesmo que ele cantasse bonito, escrevesse bonito. Mesmo que ele me construisse uma palácio, certamente eu o dispensaria.

Um abraco

Luísa disse...

Intensa reportagem!
Vi-te investigador literário,estudioso da biografia do poeta e inspector dos alicerces das estruturas do(s) seus amor(es).
Hummmmmmmmmmmmmm! Que deliciosa reportagem!
Obrigada,SENHOR!

Rute disse...

Gostei muito dos poemas de Vinicius. ele realmente tinha alma de poeta e também de pássaro esvoaçante...

Obrigada pela 'história' e pelas belas fotografias.

1 beijo:)

mfc disse...

Esta evocação é uma delícia.
Obrigado.

FAIRES disse...

João,
Apenas lhe digo Obrigado.
Sou fã de Vinicius, sabe aquele... o de Moraes.
Um imenso abraço,

angela disse...

Adoro Vinicius, sua poesia, sua inteligencia e sua fome insaciável de amor.
Linda postagem.
beijos

tossan® disse...

Meu amigo João, Vinicius um dos melhores poetas do Brasil, conheceu a mulher tanto quanto eu...Várias, talvez fosse o uísque! Pena que não fiz a poesia que ele fez. Ainda bem que parei de beber e de trocar de mulher a cada ano.
Grande postagem com óptimas fotos. Você é o poeta da fotografia. Abraço

João Menéres disse...

MYRA

Como poderia ignorar a pessoa de VINICIUS ?

A LILA BÔSCOLI, então com 19 anos, foi o terceiro casamento do Poeta.
Foi essa, então, que tu conheceste...

Um beijo, minha querida amiga.

João Menéres disse...

FÁTIMA

Nada tens a agradecer.
O que me levou a fazer esta postagem ?
-O Poeta verdadeiro e completo que Vinicicius foi.

Um beijo.

João Menéres disse...

EDUARDO

O Vinicius fazia há muito tempo parte do meu imaginário.
Depois de ter estado no seu quarto e junto à banheira onde, além de ver o mar, via a Gessy e escrevia os seus poemas, era impossível adiar por mais tempo esta pequena referência ao grande Poeta.

João Menéres disse...

JORGE

O casamento era uma festa para o Vinicius !
Havia de conhecer uma foto do casamento dele com a Gesse, em 1974...

João Menéres disse...

JORGE

Deixo essa data para o biógrafo da blogosfera !
( Até porque ambos viveram muito as flores...).

João Menéres disse...

ISABEL

Obrigado pelas tuas palavras.
Quanto a mim, o poema encaixa em toda a vida do Vinicius.

Um beijo.

João Menéres disse...

MAURO

Pois...ele o escreveu no final deste soneto :

MAS QUE SEJA INFINITO ENQUANTO DURE.

João Menéres disse...

ANA

Já o imaginaste a escrever naquela banheira onde colocava uma tábua para ter a sua máquina de onde saiam matraqueados os seus poemas de amor ?

Viajar é procurar conhecer o que de mais importante tem um país ou uma região dentro de si, no seu sangue.


Um beijo.

João Menéres disse...

MENA

Como te agradeço essa dos Vicius imorais !
Não conhecia.

Até parece escrito pelo TONHO !

Um beijo prá i.

João Menéres disse...

TONHO

E ainda tenho outro quadro que fotografei lá.
É de autoria do Caribé, mas achei que opost já ia longo.

Um abraço e obrigado pelo teu contributo no
VICIADO DE MORAES.

João Menéres disse...

LI

As imagens não são lá grande coisa. Mas foi o que consegui nas circunstâncias do momento ( pouco tempo antes de embarcar para o regresso ao Porto ).

Mas agradeço-te muito o COMENTÁRIO.

João Menéres disse...

GEORGIA

Como te entendo...

Um beijo, amiga.

João Menéres disse...

LUÍSA

Deu um pouco de trabalho. Sobretudo eliminar muito do que tinha para colocar.
Mas não sou adepto de posts muito grandes e este já ultrapassou as "medidas".

Mas estou contente pelo número de comentários recebidos.

Um beijo.

João Menéres disse...

RUTE

Em frente a esta casa, existe a Praça com o seu nome.
Vinicius sentado a uma mesa a escrever.
A peça já está muito vandalizada. Por isso não a mostrei aqui.
Mas está circundada de várias placas de aço inoxidável, cada uma com o seu poema.

Um beijo.

João Menéres disse...

MFC

Eu é que agradeço aos visitantes frequentes e atentos.

Um abraço.

João Menéres disse...

FERNANDO

Então, inda bem que lhe levei um mimo.


Um abraço.

João Menéres disse...

ANGELA

Gostei imenso da tua leitura do Vinicius.
E apreciei o facto de a dares a conhecer.

Um beijo.

João Menéres disse...

TOSSAN

Alma gémea do Vinicius, com que então ?
Regenerada, pelos vistos...
Mas não deixe de cantar nas suas belas imagens !

Um abraço.

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Bonitas fotos, muito interessante reportagem. Gostei imenso!

Abraço

João Menéres disse...

RUI PIRES

E se lá tivesse ido...mais gostava !

Um abraço.