.

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

CAMARA DO PORTO

Photobucket
© João Menéres


CÂMARA MUNICIPAL DO PORTO


O projecto para a construção do actual edifício da Câmara Municipal do Porto, integrado no plano de expansão do centro cívico da cidade elaborado pelo arquitecto inglês Barry Parker, foi aprovado em Reunião de Câmara a 1 de Fevereiro de 1916. O referido plano conferiu ao centro da cidade a actual configuração, ligando a Praça da Liberdade, Avenida dos Aliados e a Praça General Humberto Delgado.

O edifício dos Paços do Concelho, projectado pelo Arq. Correia da Silva, começa então a ser construído em 1920. No entanto, e após inúmeras interrupções e alterações ao projecto inicial, introduzidas pelo Arq. Carlos Ramos, as obras só são retomadas em 1947, ficando concluídas 8 anos depois. Finalmente, em 1957, os serviços camarário são instalados no edifício.


(Fonte: site da C.M.P.)

38 comentários:

Luísa disse...

Pois esta história não conhecia!
Obrigada pela partilha do conhecimento!
Ainda não sei se gosto deste último arranjo urbanístico nos aliados...
Há alterações que se aprendem a gostar, aos bocadinhos,...
Brijinho terno

Georgia disse...

Belo prédio, Joao.

Bonita foto.

Boa semana

Abracos

Regina d'Ávila disse...

Linda foto querido João,

Esta obra parece até de execução brasileira...demora décadas para ficar pronta.
Será isso... herança? hahaha

Tenha uma maravilhosa semana!!
Super doces beijos,
Regina d'Ávila.

angela disse...

Pensava o mesmo que Regina..rs
Linda foto, a folhinha na água me aproxima da foto, me tranporta para aí.
beijos

Anónimo disse...

Pois, gostava eu tanto daquela calçada portuguesa....
è tão bom olharmos uma cidade e vermos várias décadas, uma História, muitas histórias...
às vezes a vaidade faz destas coisas, esta última intervensão do nosso grande Siza não veio trazer nem mais beleza, nem mais utilidade aos tripeiros, mas tirou com certeza "ares de outros tempos"
Maria Pinto

Anónimo disse...

é só para corrigir: intervenção


Maria Pinto

missixty disse...

Eu concordo um pouco com a Maria Pinto, não gosto muito de "mexer na história". Apesar de até gostar muito das obras do SiZa Vieira, não gostei muito do que ele fez ao centro da minha cidade. Já por exemplo, uma igreja que foi desenhada por ele no Marco de Canavezes (terra do meu falecido pai), acho fantástica! E mesmo o "Estado Novo" uma discoteca em Matosinhos, também da sua autoria e onde já passei lá bons momentos, acho fantástica!
Ando muito atrasada nas visitas aos blogs, tanto que quase não tenho feito postagens!Não sei como é últimamente, mas tenho sempre coisas para fazer enão tenho tempo para nada...o tempo também não se presta para fotografias...só quero que saibas que não é nada contra ti, sabes que tenho em grande apreço!
beijinhos

Silvana Nunes .'. disse...

Salve !
Navegando pela grande rede sem rumo com a intenção de divulgar o meu blog cheguei até você e gostei do que vi. No momento estou impedida de fazer leituras muito extensas, pois a claridade da telinha está prejudicando um pouco a minha visão, devo tomar um pouco mais de cuidado, mas em breve resolverei esse problema. Bem, já que estou aqui aproveito para convidar a conhecer
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... em
http://www.silnunesprof.blogspot.com
Eu como professora e pesquisadora acredito num mundo melhor através do exercício da leitura, da reflexão e enquanto eu existir, vou lutar para que os meus ideiais não se percam. Pois o maior bem que podemos deixar para os nossos filhos é o afeto e uma boa educação. Isso faz com que ela acredite na própria capacidade, seja feliz e tenha um preparo melhor para lidar com as dificuldades da vida. Com amor, toda criança será confiante e segura como um rei, não se violentará para agradar os outros e será afinada com o próprio eixo. E se transformará num adulto bem resolvido, porque a lembrança da infância terá deixado nela a dimensão da importância que ela tem.
VAMOS TODOS JUNTOS PELA EDUCAÇÃO, NA LUTA POR UM MUNDO MELHOR !
Se achar a minha proposta coerente, siga-me nessa luta por um mundo melhor. Peço que ao responder deixar sempre o link do blog, pois vez por outra o comentário entra com o link desabilitado ou como anônimo. Por causa disso fico sem ter como responder as pessoas.Os meus comentários também entram via e-mail, pois nem sempre a minha conexão me permite abrir as páginas: moro dentro de um pedacinho da Mata Atlântica, creio que mais alto que as antenas, com isso a minha dificuldade de sinal do 3G. Espero queentenda quando não puder visitá-lo.
Daqui onde estou, os únicos sons que escuto aqui é o dos pássaros, grilos, micos., caipora, saci pererê, a pisadeira, matintapereira ... e outras personagens que vivem pela mata.
Por hoje fico por aqui, já escrevi demais. Espero nos tornarmos bons amigos.
Que a PAZ e o BEM te acompanhem sempre.
Saudações Florestais !
Silvana Nunes.'.

Sandra disse...

Joao!
Muito obrigada, pelo carinho.


AGRADEÇO O IMENSO CARINHO E TAMBÉM PELA VISITA.
SEMPRE TÃO GENTIL COMIGO.
FICO MUITO FELIZ, EM TÊ-LO COMO O MEU AMIGO.
SEMPRE FIEL E COMPANHEIRO.
ADORO A SUA PRESENÇA NO BLOG.
SANDRA

Anónimo disse...

informação para a missixty, a discoteca Estado Novo foi feita pelo arquitecto Alvaro Siza Vieira, mas o filho - o Alvarinho (que é um menino a rondar os 50 anos)

Do pai temos a piscina de Leça da Palmeira, moradia na Av dos Combatentes (Antas), etc

João Menéres disse...

LUÍSA

Foi um dos muitos tristes factos do PORTO 2001...

O Presidente RUI RIO é absolutamente inocente do esbanjar de dinheiros das loucuras que se cometeram na altura, sobretudo na área dos desarranjos urbanísticos!
Os jardins românticos que foram para destruídos, as praças que foram destruídas!
Ele ainda conseguiu (mais ou menos) SEGURAR a Pç. de Carlos Alberto!
A Pç. dos Leões é de uma aridez confrangedora!
O Jardim da Cordoaria e o jardim junto à antiga Cadeia da Relação são outros exemplos de crimes lesa-património!
Há mais ainda...
Fica para outra oportunidade.

Um beijo e obrigado.

João Menéres disse...

GEORGIA

O talhão onde foi instalada a Câmara seria suficiente em princípios do século passado.
Hoje, na minha opinião, não tem condições para actos solenes onde acorram cento e tal pessoas...
E, mesmo para um bom funcionamento dos serviços, é um labirinto devido à forma da área onde foi implantado.
Mas, a fachada tem um ar respeitável, aí concordo.

Um beijo.

João Menéres disse...

REGINA d' ÁVILA

Cada ano que passava, novos inconvenientes surgiam, devido ao pressentido futuro.
Não houve coragem (ou visão...) para construir a Câmara noutro local com uma área bem superior.
Cismaram que tinha de ser ALI !
E, agora, há serviços espalhados por muitos outros edíficios , em pontos diferentes da Cidade, e torna tudo mais complexo em termos de eficiência.

Um beijo, QUEEN.

João Menéres disse...

ANGELA

Posso dizer que esperei que a folhinha se colocasse a jeito !
Ainda bem que apreciaste !

Um beijo.

João Menéres disse...

MARIA

Sabes como é...
Grandes alterações logo originam um custo maior.
O custo do projecto acompanha.
A intervenÇão do Siza não é nada de espantar.
Todos o admiramos naturalmente.
Mas, não seria (digo eu) o indicado para uma não revolução...
Mas a PORTO 2001 o que queria era ARRASAR, DESTRUIR...

Um beijo ( muito bem a tua análise!).

João Menéres disse...

MISSIXTY

Para que não restem dúvidas: sou amigo e admirador do Siza.

Estamos de acordo em relação à Avenida.

Eu, quando não puder, também não posto, nem comento...

Não te preocupes.
Um comentário nalguns blogues e já sabemos que estás do lado de cá!

Um beijo.

João Menéres disse...

SILVANA
Obrigado por essa viagem sem rumo definido.
Foi isso que te trouxe até ao ninho do GRIFO !

Tive algumas dificuldades em aceder ao teu blog, mas consegui !
Vamo-nos vendo por aí...

Um beijo.

João Menéres disse...

SANDRA

E como posso eu agradecer o que fizeste para mim no dia 16 ???

Sempre que posso, deixo um beijo.
Tu sabes.

Olha, ficas com mais um agora !

João Menéres disse...

ANÓNIMO

Aqui neste blogue ( e na maioria) não se admitem ANóNIMOS que não assinem.
Todavia, como o comentário é ABSOLUTAMENTE pertinente, não o apaguei.
Da próxima vez que desejar comentar, no final do comentário, coloque o seu nome, por favor.

Sandra disse...

És uma pessoa muito carinhosa, para com todos. Já recebi, mais um.
Com cordo contigo, quando falas esta questão do anonimo.
Pois, acredito que devemos olhar bem nos olhos das pessoas, com quem falamos. Mas como na virtual, não é possível, pelo menos devemos deixar nossa assinatura.
Mas, também, as vezes encontramos pessoas, maravilhosas, que escrevem e dão suas opiniões que também são importantes, e merecem o nosso carinho.Então recebo muitos comentários, assim. O ruim disso tudo, é que, nunca consiguimos postar um comentário a favor em seus blogs.

Ana disse...

Olá amigo boa noite!!!
Ainda bem que adicionaste esta magnífica imagem do edifício da Câmara Municipal do Porto que já conheço desde que me lembro que existo:-)) porque me fez recordar quando ainda criança ia com a minha avó e o meu avô João (que foi comandante dos Bombeiros de Coimbrões), passear nessa Avenida e também na Rua Santa Catarina (vêr as lindas bonecas em casquinha com cabelo natural e lindos vestidos cheios de lacinhos:-))
Recordar é viver!!!
Adorei saber o histórico do edifício da Câmara do Porto que desconhecia(um projecto aprovado em 1916 e cujas obras só ficaram concluídas em 1957, tinha eu 4 anitos!:-)).
Adorei a imagem e o lindo reflexo!
Desejo uma noite muito feliz!!!
Beijinhos,
Ana Paula

Sandra disse...

Quanto a postagm d aamera de Porto, muito linda a foto.
Tudo neste bela Cidade vale a pena.
Assim como ai, aqui, também, muitas vezes são destruidas, coisas que falam do Patriimônio da Cidade.

São belezas raras, e que dizem muito para Cidade. E que merecem respeito.

Com muito carinho, eu agora me vou.
Um grande abraço, amigo.
Sandra

Voar sem Hasas disse...

Ola, amigo joão

Que belissima imagem....
Acredita que as vejo sempre lindas, com grande qualidade, apesar do meu ecrã não ter as dimensões do teu MAC.

um beijo,
e.... boa semana

Anónimo disse...

Perdão esqueci-me de assinar - Maria Pinto
informação para a missixty, a discoteca Estado Novo foi feita pelo arquitecto Alvaro Siza Vieira, mas o filho - o Alvarinho (que é um menino a rondar os 50 anos)

Do pai temos a piscina de Leça da Palmeira, moradia na Av dos Combatentes (Antas), etc

João Menéres disse...

ANA

Ora vê lá tu...
Com uma simples postagem, viajaste na Máquina do Tempo!

Quando se pode imaginar que uma postagem não despertará grande curiosidade, é logo o contrário!
E a prova está neste teu delicioso relato ( as minhas "bonecas" não eram de casquinha...).
E o que se falou aqui da 2001 !!!

Fico todo contente.
Agradeço-te duplamente.

Um beijo (ou dois?)...

João Menéres disse...

SANDRA

Eu para comentar, gosto de ver a pessoa.
Estou muito mais à vontade.
É como estivesse a falar com ela.
Com vultos, não sei falar (se calhar, tenho medo de fantasmas...).
Anónimos assumidos (97%), não pertencem ao rol das minhas relações.

Um beijo e fica bem.

João Menéres disse...

SANDRA

Deve preservar-se o que tem valor histórico, arquitectónico ( ou de outras áreas das Artes e similares) ou natural.
O que recebemos de anteriores gerações deve merecer todo o nosso respeito e temos a obrigação de o transmitir aos vindouros em melhores condições, se possível. Não com alterações que o descaracterizam, ou pior, com a sua abjecta (para não dizer IMPÚDICA) destruição.
Bem sei que há casos, em que se torna imperioso DESTRUIR.
Mas, nesses casos, é possível a TRANSPLANTAÇÃO!

Outro beijo (se não estiver a abusar...................................................................
dos meus lábios !)

João Menéres disse...

VOAR COM MIL ASAS

Obrigado, MANDATÁRIA !

A diferença dos tamanhos dos ecrãs está que permitem ver em grande... (e com mais qualidade).

Obrigado pela visita!

Um beijo.

João Menéres disse...

MARIA PINTO

Já agora, acrescento: e PARTE IMPORTANTE da Casa de Chá da Boa Nova.

Um beijo.

Marta disse...

uma vez disseram-me: é pequenina Marta, a Vossa Av. dos Aliados, afinal é quenenina...

QUAL pequenina! é enorme e linda como bem se pode ver aqui :)

obrigada João. por também a ver assim.

beijinho :)

João Menéres disse...

MARTA

És um amor!

Diz a esse amigo lisboeta para ver este PORMENOR !

Um beijo.

mario nelson disse...

sei que o presidente Rui Rio nada tem a haver com esta "cinzenta" avenida.!
mas agora que ja passaram uns anos, poderá ter um bate papo com Alvaro Siza Vieira e "plantar" algo que nos identifique...desde de sempre me senti "revoltado" com esta nova avenida...desculpem o desabafo.

mario nelson

João Menéres disse...

MARIO NELSON

Aqui respeitam-se todas as opiniões (ou quase todas, para ser honesto).
A sua vai de encontro a todas as até aqui manifestadas.

Pode vir a haver uma conversa...
Mas o SIZA não altera nada, pode crer.
Daqui a vinte anos, ninguém sabe como era a Avenida dos Aliados, a não ser através de documentos que tenham a imagem como base...
Mas, este traçado nada tem a ver com a arquitectura de qualquer dos muitos edifícios que a ladeiam.
E esse, quanto a mim, é um erro que perdurará.

Um abraço.

João Menéres disse...

Em tempo:

Mesmo o mais moderno dos edifícios ( o chamado Palácio dos Correios), que dialoga menos mal com o novo risco da Avenida, está lá em cima à direita e um tanto recolhido. Nunca me chocou, na verdade.

missixty disse...

Ao anónimo, pois tens razão....por acaso esse Alvarinho até andou a estudar comigo no Carolina michaélis..acreditas? Sei muito bem quem ele é!

Zaclis Veiga disse...

Meu coração reside no Porto.
Cada vez que chego na Avenida dos Aliados sinto que estou, finalmente, em casa.

João Menéres disse...

ZACLIS VEIGA

Agradeço a visita.

Obrigado pelo sentimento expresso no teu comentário.
Vens muitas vezes aqui ao Porto?

Ainda nos podemos encontrar, não ?

Um beijo.

Zaclis Veiga disse...

Vou ao Porto pelo menos uma vez ao ano. Em 2010 estarei na cidade durante todo o mês de julho. Certamnte poderemos nos encontrar.
Beijo.