.

quarta-feira, 22 de abril de 2009

MOVIMENTO NATUREZA

Photobucket
© João Menéres


MOVIMENTO NATUREZA

De acordo com o prometido à GEORGIA, esta semana plantei uma árvore.
(E foi uma figueira. Esperemos que frutifique !)

Empenhados que estamos em divulgar e participar
no que for possível em favor da AMAZÓNIA
e deste planeta que tão mal tem sido tratado,
para lá da imagem que acima reproduzo,
lembro uma poesia de PABLO NERUDA sobre o rio...

AMAZONAS

Amazonas,
capital das sílabas da água,
pai patriarca, és
a eternidade secreta
das fecundações
te caem os rios como aves, te cobrem
os pistilos cor de incêndio,
os grandes troncos mortos te povoam
de perfume,
a lua não pode vigiar-te ou medir-te.
És carregado de esperma verde
como árvore nupcial, és prateado
pela primavera selvagem,
és avermelhado de madeiras,
azul entre azul das pedras,
vestido de vapor ferruginoso,
lento como um caminho de planeta.

48 comentários:

marie disse...

Bom dia João
Espero que a sua figueira dê frutos!
Pelo menos aqui no Movimento Natureza já deu...
Beijo
Marie

Eduardo P.L disse...

Linda imagem! Quase uma pintura!

Georgia disse...

Nossa!!! A Figueira já cresceu assim?

Obrigada pelo apoio e quem sabe sua figueira vai ficar tao grande quanto esta.

Georgia disse...

Mas Joao, cadê a foto da mudinha?

Luísa disse...

Bom dia!
Plantar uma árvore, já está!
Diz o ditado popular que:"um Homem para ser completotem que plantar uma árvore, escrever um livro,ser burro e cheirar a cavalo".
A árvore já está.O livro está escrito nos posts deste lindo blog.
O resto, não me parece que cumprirá...
Brincadeirinha, se me permite!!!

Pablo Neruda é sempre um escolha delicada, que demonstra sensibilidade!

Beijinho terno!

missixty disse...

Atenção onde há uma figueira, geralmente há uma cobra. Quando mudei de casa, no jardim tinha 2 figueiras e quando arranjamos o terreno descobrimos uma cobre por baixo de uma das árvores.
A foto parece um quadro impressionista, enos de nos afastar para podermos apreciar melhor.
beijinhos já estás no neu blog e há muito tempo que eu estou aqui nos teus seguidores.

Su disse...

"És carregado de esperma verde
como árvore nupcial, és prateado
pela primavera selvagem,
és avermelhado de madeiras,
azul entre azul das pedras,
vestido de vapor ferruginoso,
lento como um caminho de planeta."

Que versos lindos!!! \o/\o/\o/\o/\o/
Espero que a sua figueira dê lindos frutos!!!!
Abraços e parabéns!!!!

João Menéres disse...

MARIE

Eu adoro a Natureza.
Não me sinto nunca elemento estranho lá bem no meio...

Obrigado pela visita.

Im beijo

João Menéres disse...

EDUARDO

Grande (mais um ...) elogio me dirige.

Um abraço agradecido.

João Menéres disse...

GEORGIA

Vou tratar dela com o carinho possível.
Figos "pingos de mel" ?

Quem sabe...

Foi um prazer postar esta imagem e este AMAZONAS, GEORGIA !!!

Um beijo.

João Menéres disse...

LUÍSQ

O ditado que eu conheço é só uma árvore, um livro e um filho.
No meu caso, já multipliquei tudo isso.
O multiplicador mais baixo foi 3.

Obrigado pelo comentário, que é sempre do meu agrado.

Um beijo.

João Menéres disse...

MISSIXTY

É sempre um prazer ter-te aqui nos comentários.

Já verifiquei nos teus blogues. Obrigado.

Um beijo.

João

João Menéres disse...

SU

É a primeira vez que apareces nos comentários!!!

Espero por ti mais vezes, muito mais vezes...

Dá uma olhadela para o que está para trás.
Tenho lá boa poesia. (se é isso que mais aprecias).

Um beijo.

Beth/Lilás disse...

Preaado João!
Vim agradecer a tua participação ao chamado que eu e Georgia fizemos.
Uma figueira é simplesmente uma das árvores mais lindas e que eu amo demais!
Parabéns!
Nosso muito obrigada e acrescento que sinto-me honrada por conhecer hoje pessoas tão sensíveis e maravilhosas como você.
abraço carioca

Tinta Azul disse...

Uma fotografia de ouro
com palavras preciosas.


Bj

João Menéres disse...

BETH/LILÁS

Eu é que me sinto feliz por ter sido distinguido com o convite em participar numa jornada tão importante.

Curiosa a coincidência de apreciares as figueiras dessa forma tão afirmativa...

Um beijo e obrigado pela simpatia.

João Menéres disse...

TINTA AZUL

Só os teus delicados e sensíveis olhos V~em e lêm o que dizes...

Um beijo muito agradado.

€ster disse...

Olá João!!

Bela participação!!
Plantaste uma figueira e ela há de dar muitos frutos, tenho certeza!


Enquanto isso vamos nos deliciando com o poema de Neruda que é de dar "água na boca" como diz aqui do outro lado do Atlântico,


Abraços para o meu amigo!

João Menéres disse...

ESTER

Eu já comprei um cesto para estar prevenido (não vá acaberem com os cestinhos de asa para colocar no braço) ...

Obrigado pelo comentário.

Um beijo.

roserouge disse...

Batota! Essa não é a figueira que plantaste!!

Sonhos & melodias disse...

Olá João,
É sempre um prazer conhecer novos colegas na blogosfera. Isso só nos enriquece. Adorei sua mensagem e esse poema que ainda não conhecia. Estarei sempre por aqui. Dá uma passadinha em meu blog que terei o maior prazer em recebê-lo.
Abraço,
Roseli

João Menéres disse...

RR
Querias que fosse já esta?

Um beijo.

~pi disse...

belos figos se

adi

vinham! :)




beijo, joão





~

in_side disse...

pode uma figueira dar poemas,,,,?





*

João Menéres disse...

ROSELI

O dia está a correr-me bem com novos comentaristas!!!
É um prazer receber-te aqui.
Encontrarás de vez em quando Poesia,
Se deres uma olhadela para trás, espero que tenhas outros motivos de franco agrado.

Um beijo.

João Menéres disse...

LUCY

Quanto prazer me deste, hoje!!!
Tinha saudades, sabias?

Quem sabe para quem ficam guardados?

Um beijo.

Milouska disse...

Querido João,

Linda, linda, linda! Uma foto simplesmente magnífica...
E que dizer do poema... É Pablo Neruda. Ponto final!
Um bjo,

Milouska

João Menéres disse...

In_SIDE

Se a guerra dá poemas e amor, o que haverá que não dê o que nós quisermos?

Mais um comentarista a estrear-se aqui no grifo... MARAVILHA !!!

Um abraço.

João Menéres disse...

MILOUSKA

Como eu sinto quando as palavras brotam lá de dentro !!!

Esta imagem está impressa numa tela de tamanho grandinho (não tenho aqui à mão as medidas).
Eu acho que em tela se torna numa "peça" espetacular.
(Será que me fica bem dizer o que penso?)

Só lhe posso agradecer tudo o que exprimiu !

Um beijo.

Alice Salles disse...

Imagem linda como sempre João!
Beijocas

João Menéres disse...

ALICE

A tua habitual simpatia e amizade.

Um beijo grande.

Mírian Mondon disse...

Magnifica imagem João parabens! Espero que possa postar uma foto da sua arvore em breve!

Não perca minha 'odisséia'lá no Café, foi uma festa! :)

Abraços

João Menéres disse...

MIRIAN MONDON

Obrigado pela opinião qualificada.
Da minha árvore? Da figueira? Coitadinha, tão pequenina ainda...
Gosto de tratar de tudo desde cedo, para melhor as saborear...

Vou já ao Cafézinho...Está na hora, antes que feche!

Um beijo.

Luísa disse...

Convite:
visitem http://sjorgepardalitos.blogspot.com

Há uma professora dedicada que merece o nosso comentário ao seu trabalho!

João Menéres disse...

LUÍSA

Certíssimo! Já fui a FAFE...

Obrigado e um beijo.

ellen disse...

Bommm só hoje consegui passar na sua casa... Imperdoável :)

Bela pintura para ilustrar a beleza da NATUREZA João! como se pode dar cabo dela destruindo-a sem dá? parabéns por este seu Post bem ilustrativo como é belo este mundo verde!

Beijo grande até si.

O meu blog está a começar a entupir o meu tempo :))) nunca pensei chegar a este patamar que passou a ser uma grande responsabilidade assumida.
Será que vou ter pedalada para ele e não magoar susceptibilidades quando não podemos acudir a todos? qual a estratégia a usar João? preciso de uma ajudinha :))))

ellen disse...

destruindo-a sem dó (errata)

rsssssssssss

João Menéres disse...

ELLEN

Eu vou ter que encontrar uma solução.
Em vez de postar 6 em 7, brevemente editarei 1 ou 2 em 7 e guardarei um dia só para visitas e comentar nesses.
Portanto libertarei QUATRO DIAS em cada semana, não contando com as TERTÚLIAS VIRTUAIS ao dia 15 e outras situações excepcionais.
Não é justo para a família estar aqui AGARRADO mais de TREZE HORAS TODOS OS DIAS e não conseguir, mesmo assim, visitar todos os que comentam no blogue...

Um beijo.

L.Reis disse...

...suaviza-se a paisagem...porque os sonhos não têm arestas...
(O efeito, juntamente com a cor dominante, resultou em pleno...)

João Menéres disse...

L.REIS

É um prazer infinito contar com a tua análise e as palavras que dedicas a imagens minhas !

Um beijo.

Beth/Lilás disse...

Caro João,
Podes crer é verdade que adoro figueiras, assim como o doce delas.
Tenho uma amiga aqui em Petrópolis que tem uma bem no centro do seu jardim e me manda vez em quando um licor feito com os frutos da mesma.
Acho a árvore também muito decorativa.

Vendo as fotos de teu blog ao lado, percebi uma foto de um lindo cão da raça Akita. Por acaso tens algum? É que eu também tenho uma femêa e é minha queridinha do coração.
Veja lá no meu blog as fotos dos mesmos.
abraço carioca

João Menéres disse...

BETH/LILÁS

Muito te agradeço o comentário.
Não, Beth, actualmente não tenho animal em casa.
Sempre os meus Pais tiveram cães de variadas raças:
Um cão-polícia, um galgo, um pastor-alemão, uma cocker, sei lá...
Depois, quando casei, tive primeiro uma gata e depois uma perdigueira portuguesa.
Akita? Nem estou a ver que raça é e não me lembro dela estar no meu blog. Poderás dizer em que dia?

Aprecio muito os figos, as cerejas, as pêras (quando são docinhas...), as bananas equatoriais e mais alguns frutos...

Um beijo grande para este Domingo.

Selena Sartorelo disse...

Olá João,

Pintou a tela com teu olhos
Não poderia ser diferente
Escolheu entre tantas
uma espécie tão peculiar
Na natureza se multiplica em funções tão diversas quanto na história que a tráz
Uma árvore faz diferença.

Ahhhhh! João devagaria horas sobre esse poema, mas não ouso fazê-lo em sã consciência pois seria muita a minha pretensão dar a ele a minha intenção. Que esse gigante permaneça vivo em constante criação.

Beijos e obrigada por insistir.

Movimento Natureza disse...

Prezado João Menéres!
Passando para avisar que seu post foi publicado no Blog Movimento Natureza.
Obrigada pela participação!
abs carioca


P.S.: Desculpa, mas o que vi era com certeza alguma foto desses posts de amigos que ficam ao lado do seu blog.

João Menéres disse...

SELENA

Cada expoente tem o seu lugar e há lugar para todos.
Ninguém quer rivalidades.
O que eu desejo é conhecer MAIS E MELHOR cada um de per si.
Por isso tenho tanto empenho em ler-te.
Então, sempre gostaste desta?

Um beijo.

João Menéres disse...

Obrigado por terem editado aqui a minha participação.

A figueira está a ser bem tratada, descansem.

Selena Sartorelo disse...

Obrigada João, e tens razão no que diz...Creio que existe o momento certo para sê-lo sempre rsrs!!!!! E quando este é sentido, acredito que só assim pode ser dito e ouvido em respeito e credibilidade.
A idéia saudavel é, compartilhar parcerias e inferimentos.

Beijos,( muitos )
Selena

João Menéres disse...

SELENA SARTORELO

Tua agudeza e inteligência presentes aqui no grifo planante muito me orgulham.

Um beijo grande.