.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

VIAGEM 2017

© João Menéres



LEMBRANDO UM PÁTIO SEVILHANO...
MAS NO BAIRRO SAN MARTIN.

18 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Bela imagem.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Uma beleza esta rua e a fotografia.
Um abraço e boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

João Menéres disse...

EDUARDO

Obrigado pela apreciação.

João Menéres disse...

FRANCISCO OLIVEIRA

E atrás de mim, a menos de 10 metros, tudo tão diferente...


Um abraço.

Maria Manuela disse...

Um candeeiro incomum.
Bem original neste oásis tão viçoso!
Adorei a harmonia dos toques avermelhados a saltarem das habitações para a buganvília e não só...
Belo registo, João !
Beijinho.:)

Rasuras do Aparo disse...

... belo pátio/refúgio quando o calor apertar ...

Os olhares da Gracinha! disse...

Um belo recanto!
bj

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

É BIPOLAR, certamente
Rs.


E como disse acima, a 10 metros das minhas costas um universo completamente diferente...
Quando ao bom senso se alia o bom gosto...

Um beijo amigo e obrigado.

João Menéres disse...

RASURAS

O refúgio, nesse caso, só dentro de casa.


João Menéres disse...

GRACINHA

Se fosse cá era uma ilha miserável.


Um beijo grato.

L.Reis disse...

Mas que recanto tão arrumadinho e tão bem arranjado! Até as flores condizem com as pinturas. Isto é que é tr atenção ao pormenor. Acho este género de pátios uma absoluta delícia!

João Menéres disse...

L. REIS

Eu imaginava que ias assim opinar.

P.S. - Não sabia que tinhas feito parte da equipa feminina de hóquei em patins em Montreux !
Em que lugar ficámos ?

Pedro Coimbra disse...

Lindíssimo, diria eu.
Aquele abraço

João Menéres disse...

PEDRO COIMBRA

Ali respira-se, não é ?


U abraço.

Remus disse...

É um primor.
Acho que devia existir uma lei que obrigasse que todas as casas tinham de ser servidas por um pátio deste tipo. Colorido, com flores e bem arranjado. Aposto que as pessoas viveriam automaticamente mais felizes.
:-)

João Menéres disse...

REMUA

Não é necessária lei nenhuma.
Está nas mãos dos moradores, simplesmente !
Mas muitos optam pela droga.
Bem sabe disso.


Um abraço e obrigado pelas palavras.

Ana Freire disse...

Um recanto lindíssimo, refrescante, verdejante, e muito acolhedor... e imperdível, em termos fotográficos!
Beijinho
Ana

João Menéres disse...

ANA

Descreves muitíssimo bem, pois foi o que eu senti neste recanto.

Um beijo grato e bom fim de semana.