.

terça-feira, 21 de março de 2017

O FAROL DE FELGUEIRAS

© João Menéres


E O SOL SE IA...

45 comentários:

Presépio no Canal disse...


Que belo!!

É neblina junto à água?

Beijo muito amigo!

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Mais uma maravilhosa foto com essa névoa a criar um ambiente de uma beleza intensa que nos enche a retina.
Abraço

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Belas tonalidades numa fotografia fantástica.
Um abraço e boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
Livros-Autografados

Elvira Carvalho disse...

Belos tons.
Um abraço

Manu disse...

Uma excelente foto com um arrasto que ficou no ponto e deu uma beleza linda à paisagem.

Beijos João

Kaipiroska disse...

Lindo este tom rosado em toda a foto :) e o arrastamento no mar está igualmente lindíssimo e tecnicamente muito bom.

Os olhares da Gracinha! disse...

Não sabia o nome!
Adorei o olhar!!!
Bj

Questiuncas disse...

O por do sol na Foz permite estas maravilhas de fotografias. Desta vez o mar estava calmo.

bea disse...

Há uma espécie de névoa junto à água muito atrativa. É uma boa foto.

Rasuras do Aparo disse...

... ah! se tivesse um farol com este fim de tarde ... todas as noites seriam polvilhadas de estrelas da cor do arco-íris ... e então longos passeios à beira-mar se voltariam a fazer ...

Ana Bailune disse...

Olá, João.
Que paisagem linda, que registro maravilhoso!

Camerando Blog disse...

Esta é mais uma fotografia da série "como ele consegue?". Tamanha é a simplicidade e beleza.

L.Reis disse...

É a única despedida de que gosto : a do Sol. Quando se despede e deixa atrás de si doces e cálidas cores
a embrulhar o mundo, ninguém se importa que ele vá. Talvez porque volta sempre, para acordar este mar, agora adormecido sob uma bruma de quietude, criada pelo mestre João Menéres. :):)

João Menéres disse...

SANDRA

Muito te agradeço.

Não é neblina...
Explico lá mais para a frente.

BJ.

João Menéres disse...

RUI PIRES

Um muito obrigado pelo seu comentário.

Um abraço.

João Menéres disse...

FRANCISCO OLIVEIRA

Fico muito grato pela simpatia do seu comentário.

Um abraço.

João Menéres disse...

ELVIRA

Muito grato.

BJ.

João Menéres disse...

MANU

Assertivas palavras contém o teu comentário que muito agradeço.

Um beijo.

João Menéres disse...

CARIN

Repito o agradecimento que fiz à MANU.

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

GRACINHA

Do farol ou da praia ?

Um beijo agradecido.

João Menéres disse...

QUESTIUNCAS

Peço desculpa, mas o mar não estava mesmo nada calmo...

Um abraço grato.

João Menéres disse...

BEA

Daqui a nada já te explico...

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

RASURAS

Faço votos que tal aconteça.

Um abraço amigo.

João Menéres disse...

ANA BAILUNE

Que bom teres gostado !

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

CAMERANDO

Simples está...

Um abraço grato.

João Menéres disse...


L. REIS

Pois eu nem destas suporto !
Logo de seguida vira noite...

Para adormecer esta criança, coloquei o berço no tripé e embalei com calma durante 10".
E lá se calou...
( Esta foi feita na véspera da definitiva. O céu é que já não estava assim róseo !...
O António Cruz tem uma aguarela deste sítio., mas ainda não havia o prolongamento do molhe e
rio fora saía um vapor...).
E também não embalou o bébé...

E finalizo : gosto é de CHEGADAS, mesmo que sejam de combóio.

Pedro Coimbra disse...

A foto está fabulosa!
Aquele abraço

Eduardo P.L. disse...

O sol é a luz e o clichê dos fotógrafos como já disse alguém...

Ana Simões disse...

Maravilhosas tonalidades. adoro a neblina e o efeito de arrasto .
Linda !!!

Maria Manuela disse...

Fantástica foto... etérea... neste aguarelar violáceo... que tudo banha, ora de forma intensa, ora suavemente...
Até o farol parece querer elevar-se, levitar... para não perder o tom da derradeira réstia de luz natural...
E um leve torpor nos invade... do qual o olhar desperta... perante o límpido, vivo e belo recortar deste rochedo estendido no 1º plano... que assim nos traz de novo quase ao real...
Excelente imagem, JOÃO !
Beijinho.:)

Agostinho disse...

Uma bela aguarela, digo eu, em tons tristes de despedida. O crepúsculo dá destas cores.
Parabéns, João Menéres.

João Menéres disse...

PEDRO COIMBRA

É preciso saber-se o que se quer obter e esperar que as condições mais favoráveis aconteçam.
Fui meia hora antes...

Um abraço agradecido.

João Menéres disse...

Eduardo

Como a tela, as tintas e os pinceis para os pintores.

João Menéres disse...

ANA SIMÕES

Só o mar estava bravio.
Tudo o resto respirava paz.

Um beijo e muito obrigado.

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Tudo certo, como descreves.
Depois de ver esta no monitor, quis fazer outra na tarde seguinte para não cortar o rochedo que está à direita para também o banhar suavemente.
Se melhorei nalguns aspectos, já não tive o céu rosáceo...
Mesmo com tripé, as coisas não são assim tão fáceis.
O bom é inimigo do óptimo, sem dúvida.

Um beijo e muito obrigado pela tua dedicada atenção e muito carinho.

João Menéres disse...

AGOSTINHO

Acredite que se eu soubesse pintar, saberia exprimir exactamente o que desejava obter.
Assim, limito-me às minhas capacidades...

Um abraço e muito obrigado.

Remus disse...

Bela fotografia em longa exposição, muito bem concretizada e controlada. As tonalidades estão sublimes.
A linha do horizonte ficou ligeiramente inclinada, mas isso não será propriamente defeito mas sim feitio artístico.

João Menéres disse...

REMUS

Eu dei conta...mas queria ter a certeza que o REMUS estava atento.

Irei corrigir !

O tempo não dá para tudo, pelo menos a mim que tenho muito trabalho em várias frentes que a vida me concede.

LOL

Um abraço.

João Menéres disse...

REMUS

E agora ?

Ana Freire disse...

E o sol se ia... com todo o seu esplendor e elegância...
E por aqui, neste momento... está a cair uma carga de água... com toda a sua força, e abundância... e assim vai a chegada da Primavera... :-(
Ainda em relação à foto... a linha do horizonte está perfeita... e adoro as tonalidades... e essa neblina da tarde... e aquele reflexozinho do sol, naquele ponto estratégico, que nos direcciona para o farol!...
Belíssimo e romântico entardecer! Adorei a imagem!
Beijinhos
Ana

Remus disse...

Agora sim. Está irrepreensível.

João Menéres disse...

ANA FREIRE

Bom, a linha do horizonte agora está realmente como devia ter sido logo.
Ao REMUS, que tanto ralha comigo, devo a correcção, diga-se.

E aquelas áreas a brilhar estavam bem na mira do olhar, logicamente.

Hoje, tanto de manhã, como à tarde, as descargas de água, batidas por um vento gélido, foram uma constante !
Até granizou, calcula tu...
Houve quem dissesse que era neve. Mas não era !

As tuas ( e as minhas ) melhoras.

Um beijo sem bactérias.

João Menéres disse...

REMUS

Obrigado por me exigir a correcção !

Um abraço.

© Piedade Araújo Sol disse...

uma foto muito a meu gosto!
gostei!
beijinho
:)

João Menéres disse...

PIEDADE

Fico muito feliz, então !

Um beijo.