.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

AZULEJOS

© João Menéres


COMO SE FOSSEM GAIVOTAS.
COMO AQUELAS QUE PLANAM
EM FRENTE
SOBRE O RIO DOURO.

22 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Como se fossem gaivotas. Esta bem! srsrs

João Menéres disse...

EDUARDO

Foi a primeira sensação...

Remus disse...

Quase perfeita. E digo quase, só por causa do efeito criado pela perspectiva que desloca as linhas.

Se o Eduardo diz que vê gaivotas, já eu vejo lacinhos...
:-D

Maria Manuela disse...

Mas estas parecem-me gaivotas meio presas... voando de encontro a uma vedação aos quadradinhos... quando têm um azul de mar e céu sem fim...

Enfim, uma liberdade condicionada às circunstâncias...
Bem, eu é que tenho os quadradinhos à minha frente e elas têm todo o espaço livre... essa é que é essa !

Um belo grafismo, João, que não podia passar despercebido numa cidade de gaivotas... resultando numa óptima fotografia !
Beijinhos..))



João Menéres disse...

REMUS

Na analógica tinha uma objectiva Ts.
Na digital não...
Quem falou em gaivotas fui eu no texto...
Lacinhos ?
- Quando muito meios lacinhos...

Um abraço e agradeço a contribuição.

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

O desenho é que me agradou muito !
É leve, como convém num prédio de vários andares.
No interior existe um painel do Júlio Resende, mas está a ser restaurado.
Quando vier tentarei fotografar, se o REMUS não me puxar as orelhas...

É uma questão de nos concentrarmos mais no interior e esquecer a convergência...

Um beijo e obrigado por pores água na fervura.

Luísa disse...

Hum!
Estarão em voo ou a planar?
Descem ou sobem?
Ficam ou migram?
Sem dúvida, uma foto cheia de questões!
Beijinhos mil

João Menéres disse...

LUÍSA

Cá para mim estão a subir, a subir...
Por isso não consegui endireitar as linhas.

Obrigado, querida amiga por animares esta postagem !

Um beijo.

graça Alves disse...

Tão bonitos e tão bem captados!
Um belo padrão para uma saia :) Eu e a moda!!!
beijinho

Rasuras do Aparo disse...

... gosto da ideia das gaivotas ... podem ser gaivotas esvoaçando ...lembrando que o Douro está lá sempre na alma do fotógrafo ... mas poderiam ser lenços brancos do estádio do FCP ... gravados em parede de caminho que vai dar a Espanha ... lembra-me ainda Sérgio Godinho ... " então abriste as asas e voaste " ...

João Menéres disse...

GRAÇA

Tão bem captados não estão, pois as linhas convergem...
Reparando bem, até te dou razão, quando dizes que dava uma saia com umbelo padrão !
E, claro está, que foi o desenho dos azulejos que me interessou.

Um beijo amigo e grato.

João Menéres disse...

RASURAS

Há muita coisa que voa.
Papeis, folhas, o tempo, amores, sei lá...
E depois do adeus, que resta ?...

Um enorme abraço.

Isabel disse...

Gaivotas, lacinhos ou saias...é um bonito padrão! Isso é!

Um beijinho:)

Obrigada pelas informações sobre Leonte:)

Li Ferreira Nhan disse...

Mapa do meu estado :)

Há um piso usado aqui, em calçadas, que o padrão é o mapa do estado de São Paulo; muito semelhante a esses azulejos.
Beijos João.

Fatyly disse...

De repente vi aviões de papel e nada de gaivotas:)

O estilo dessa forma de azulejos, deixam-me os olhos em bico:) faz-me muita confusão e sinceramente não gosto nada.

Desculpa amigo mas é a minha verdade sentida:)

Beijocas

João Menéres disse...

ISABEL

Seja o que for que o artista tinha em mente ( para mim, serão mesmo gaivotas ) conseguiu um padrão simples, leve e airoso.

Leonte ( e não só ) deve chegar em breve ).

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

FATYLY

Compreendo que, limitado ao espaço de uma imagem, reduza a beleza do conjunto de uma grande empena...

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

LI

Desculpa o salto que dei !
Podias fotografar essa calçada quando tiveres oportunidade ?
Esperamos, não te preocupes...

Um beijo, querida Li.

Ana Freire disse...

Engraçado... há um ligeiro deslocamento de algumas das linhas... no padrão do desenho... e contudo, este, está perfeitamente enquadrado, e nivelado em cima... donde... só se pode reclamar do ladrilhador!!! :-D
Pois o João, não poderia mesmo ter feito melhor...
O padrão do desenho... vejo uma rede... e vejo ondas... talvez alguém pensasse em capturar as ondas do mar... em vez de peixes, com tal rede...
Beijinhos
Ana

João Menéres disse...

ANA FREIRE

Por acaso não sei quem foi o Arquitecto, mas hei-de saber, para chegar ao autor do desenho dos azulejos.
A tua interpretação é muito pertinente e apreciei imenso essa de capturar ondas !
És espantosa tantas vezes !...
E também te agradeço teres-te tornado advogada deste diabo, queria dizer, deste grifo.

Um beijo muito amigo.

Presépio no Canal disse...

Nunca tinha visto um padrão como este. E tb me lembra gaivotas.
Bjs!

João Menéres disse...

SANDRA

Vês como estamos de acordo ?

Um beijo grato.