.

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

UMA SALA

© João Menéres


© João Menéres


© João Menéres




PARA MAIS TARDE RECORDAR...

36 comentários:

Fatyly disse...

Mais um super salão e de uma beleza extraordinária, mas deve custar empacotar e sobretudo arrancar. Força e pensa positivo.

Tens aí uma colecção que gosto tanto: crucifixos.

Um enorme abraço, se é que os abraços reconfortam em momentos difíceis como este.

João Menéres disse...

FATYLY

Como previsto, hoje é a primeira leva...
Os Cristos vão ficar distribuídos entre o apartamento e a quinta, em Celorico de Basto.
Naquele armário, junto à tela grande ( foto de cima ) existem mais de 600 mochos. Não se divorciarão...
Claro que um abraço que transmite carinho e ânimo é muito bem recebido e fico muito sensibilizado pela tua mensagem.

Um beijo muito grato nesta hora em que o furgão já levou a 1ª carga.

Presépio no Canal disse...

Que maravilha!!! Tanto espaço!!!
Já não estou habituada a ver tanto espaço. Na Holanda, as casas são pequenas ( são 17 milhões de almas num território tamanho do Alentejo e que pouco gostam de prédios, logo predominam casas térreas, mas não muito grandes). Acho que a tua sala é maior que a minha casa ;-)).
A nossa casa tem 105 m2 e, em Amsterdam, há quem viva em casas de 30 m2, juro! E pagam balúrdios...Foi por isso que viémos para aqui, para ter mais espaço e preços mais comportáveis.
Adoro o teu espaço de leitura junto à janela! Tanta luz!! (isto tem andado muito cinzento por aqui...)
Beijinhos e tudo, tudo a correr bem na nova casa.:-) Tenho a certeza que irá ficar um mimo!

João Menéres disse...

SANDRA

Será um miminho...
Vou ter saudades infinitas !
Esta era ( ainda é...) a casa dos meus sonhos !

Um beijo muito amigo.

Jorge Pinheiro disse...

Vendo o lado positivo: ela existe e foi onde o João esteve (está). Senão seria sempre apenas sonho.

Céu Vieira disse...

Que maravilha!!
Esta sala é maior do que a minha casa toda!!

((*_*))

Rasuras do Aparo disse...

... obrigado por partilhar um espaço ... o seu espaço ... toda aquela luz naquela sala é algo deslumbrante ...

Isabel disse...

Um espectáculo de casa! De revista de decoração! É linda e tem aí coisas lindíssimas! Tem tanta claridade!
Na última foto vê-se um bocadinho de uma biblioteca(?)...não quer partilhar connosco essa parte? É o que mais gosto de ver: bibliotecas...

Não deve ser fácil deixar esta casa, mas vai continuar a ser feliz para onde for, de certeza!

Hoje deixo-lhe um abraço e os votos de que seja muito feliz na nova casa:)

Lia Noronha disse...

Puro talento!!! Adorei tudo!!
Abraços meus.

João Menéres disse...

JORGE

Agora, a solução é a que aponta...
As estantes de uma dependência já estão no meu novo ( futuro ) "bureaux.
Amanhã, começo a arrumar os livros dessas estantes.

João Menéres disse...

CÉU

Não negarei a dimensão...
Vou ter que me desfazer de muita coisa ( livros, mesas, mobiliário e de muita coisa arquivada ).
Esse é um dos problemas...

Mas também tenho consciência que estou na recta final da vida.
E os 3 filhos têm as suas moradias magníficas já totalmente mobiladas e onde quase nada mais cabe...
Desde os meus 15 anos que comprei livros, discos e tudo o mais que possas imaginar.
Portanto, foram sessenta anos a adquirir bens !
Só um terço cabe na nova morada..

Um beijo e obrigado.

João Menéres disse...

RASURAS

No novo apartamento também há luz. Não tanta como aqui, obviamente.
A grande, a enorme diferença !, é o espaço...

Um abraço com muita amizade e saudades de um encontro.

João Menéres disse...

ISABEL

Muitos objectos ( louças, cristais, pratas...) já não figuram nestas fotografias.
Logo que arrume esse espaço ( onde tenho o Mac ) irei fotografar ( daqui a dias, creio ).
Depois, postarei, claro.
Obrigado pelas tuas palavras que são e serão sempre muito bem recebidas.

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

LIA

Como me descobriste, estando tão longe e nim estado que não conheço, embora conheça um bom bocado do Brasil ?
Agradeço o elogio que sei ser muito sincero.

Um beijo e volta aqui depressa.

ana disse...

João,
Lindíssima. Gosto do espaço e movimento, da luz, dos recantos, da escolha do mobiliário, dos Cristos, da biblioteca, da pintura espalhada pela sala. British muito british o seu ambiente.
Faz colecção de saleiros? Acho graça.
A lareira é para mim um ponto de fuga importante.
Beijinho e parabéns (já sabia que tinha um excelente bom gosto).:))

João Menéres disse...

ANA


É verdade tudo, querida Ana !
Saleiros, Cristos ( Fiz STOP, nestes...), S. João Baptista, Ceias de Cristo ( também por falta de espaço, vou fazer STOP ), livros, música ( de tantos géneros ! ), vinhos ( também abrando, e de que maneira, o tamanho da garrafeira ! ).
Pergunto-me : O QUE É QUE NÃO COLECCIONAS ?
Não vou ter lareira. Aquecimento a gás num apartamento que por ter janelas duplas é muito mais confortável. Julgo que terei os meus conhecidos frios muito limitados.

Obrigado, MUITO OBRIGADO, pelo teu comentário.

Um beijo amigo.

Rute disse...

Tudo muito bonito e o bom gosto impera. Percebo a sua tristeza pois também eu mudei da minha casa, onde vivi durante toda a minha vida... para uma outra que tem menos de metade do tamanho e de beleza. Mas a vida é assim mesmo...de facto, alguém disse aqui que o nosso lar é onde estão as pessoas que amamos e creio que o João vai com os que consigo vivem. com o seu espírito de eterno jovem tenho a certeza que irá ter na sua nova casa muitos momentos felizes.

1 grande beijinhos

João Menéres disse...

RUTE

Sim vou, claro, RUTE !
Há sempre a esperança de podermos valorizar uma nova vivência.
E vou ter trabalho para muito tempo até a libertar das minhas milhentas coisas, mas primeiro é arrumar o apartamento !

Um beijo e obrigado.

Remus disse...

Um dos grandes males das pessoas, é que são demasiado agarradas aos seus bens materiais e depois torna-se difícil separar-se das coisas.
Como disse no comentário anterior, quando morrermos, deixamos cá tudo.

As memórias, essas, é que são importantes guardar, agora o resto...
Até para mim, que sou um minimalista por natureza, esta casa tem coisas a mais. Não conseguiria viver num sitio assim tão "cheio" de coisas.

João Menéres disse...

REMUS

Se lhe mostrasse a casa dos meus avós paternos ( que foi demolida por causa da construção da Doca nº 1 de Leça, compreenderia que esta até não é assim tão grande...
Mas no T 16 de Agramonte, podem tratar-me como um faraó...
RsRsRs.


Um abraço.

Majo disse...

~~~
~ Gosto muito da primeira sala.

~ Houve um tempo em que a desejaria,
agora é vastíssima para mim e amigos.

~~~ Cordial abraço. ~~~~~~~~~~~
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

João Menéres disse...

MAJO

É só uma...
Obrigado pelo comentário.

Um beijo ( e volta sempre ! )

Ana Freire disse...

Realmente a casa tem umas dimensões e luminosidade absolutamente incríveis!
Acho que o meu apartamento da Ericeira, deve caber todo na sua sala, e ainda deve sobrar imenso espaço!
Mas pronto! Os apartamentos pequenos, também terão as suas vantagens... por exemplo... está tudo à mão... nunca se perde nada, por lá... pois sabe-se onde está tudo... e o pó, limpa-se com um espirro... sabemos a que horas o vizinho de cima acorda... e a que horas o vizinho do lado vai tomar banho... enfim, os apartamentos pequenos, também oferecem muita emoção... e mais emoções fortes, se proporcionam nas reuniões de condomínio, com alguns condôminos, cumprimentando-se por via de estrangulamento mútuo... ;-D mais uma vez, brincando, para amenizar a coisa... mas a coisa, não anda muito longe disto, na realidade...
E voltando novamente à sua casa, João, a minha admiração, pela belíssima escolha dos materiais, e pelo diversos ambientes criados para diversos fins, extremamente bem interligados, entre si... e mais uma vez, admirando a sua fabulosa iluminação...
Mas com certeza o novo ambiente, mais aconchegante, certamente, também lhe proporcionará muitos momentos felizes ainda... Nada de desânimos!
Beijinhos
Ana

Maria Manuela disse...

Linda ! Linda !
Conforto, beleza, funcionalidade... LUZ e mais LUZ...
E Arte, muita arte, desde as nuances de cor das paredes e seus planos, às madeiras... aos quadros... às peças que desenham e compõem cada zona - recanto !...
...Zonas delineadas pela função e bom gosto... pontos de cor como essa fabulosa e cativante zona dos Cristos ou o espaço tão luminoso e relaxante que se lhe segue... à zona fulcral e imponente da lareira...
Há muita vida e história nesta sala, extensão da sua personalidade.
Arquitectura de interiores no seu melhor !
Beijinho e Parabéns, JOÃO !

Rui Angleu disse...

Há momentos que marcam uma vida... tantos anos numa casa fazem parte de uma longa história... nela se passaram sonhos, alegrias e tristezas...como diz no título "para mais tarde recordar"... e o que é isso senão a própria vida? O mais importante é que os sonhos nunca terminem, mesmo que a casa seja outra...Um grande abraço amigo.

João Menéres disse...

ANA FREIRE

Adorei o teu comentário !
Ri-me com a tua expressão e o pó, limpa-se com um espirro... !
No apartamento, as paredes, o chão e o teto são insonorizados...
Além disso, o meu futuro vizinho do lado está num lar de 3ª idade em Braga e a vizinha de baixo está viúva.
Ruídos não há.
Nem ouço os ascensores...

As reuniões do condomínio são pacatas : Quase todos os condóminos delegam num...

Quanto aos recantos nesta sala : só eu tenho três ! Um luxo...
Veremos o que o futuro me reserva...


Um beijo, querida amiga e MUITO OBRIGADO.

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Quase como continuando o que respondi imediatamente acima .
A área mais luminosa é sem dúvida aquela junto aos Cristos.
Antes de ter o blogue, passava ali horas a ouvir os cds de música clássica ( ou ligeira...) e a ler.
Desde que o plana, não me sobra tempo para esse prazer.
A vossa presença supera tudo !
Só em raras circunstâncias, faço uma viagem atrás, para ver se a Callas ainda canta para mim ou se o Requiem, de Verdi, está tão presente como sempre.
Tenhou ma enorme colecção de cds e não me falta por onde escolher, conforme a disposição ou necessidade.
Aprecio também imenso música de ballet...
Imagino as coreografias...

Um beijo muito amigo e grato.

João Menéres disse...

RUI

É como diz : tantos anos numa casa fazem parte de uma longa história...
E eu não quero perder nenhuma página desta história !
Outra história será escrita. Será outro "volume" cujo teor ainda não concebi.

Agradeço e retribuo o abraço amigo ( e se não for antes, até Agosto...).

Luísa disse...

Oh! Que giro!
Foi aqui que nos conhecemos, lembras-te?
Um dia memorável!
Obrigada por seres como és!
Bjnhs

João Menéres disse...

LUÍSA

Então não havia de me lembrar ???
Vieste tu e o teu ZÉ !
Os maples de pele seguem.
Dos 2 sofás, só um me acompanhará.
Ainda não sei se a mesa de jogo pode ou não ir...
A antiga arca de milho vai para 100km daqui.
Era lá que guardava a minha colecção de presépios. Agora ficarão menos à mão, mas bem guardados, até porque da colecção está um muito lindo que me ofereceste !
Quanto a estes pratos grandes que estão na foto de baixo ainda não sei onde os colocarei...
O que está de pé veio da casa dos meus Pais. O deitado é obra do Esc. Ilídio Fontes.
Os Cristos vou repartir pelo andar e por Terras de Basto...
A arca pequena...não sei !
O mesmo se passa quanto ao futuro dos 2 maples que estão junto ao vitral grande...
Enfim, muitas dúvidas e interrogações.
Hoje quase arrumei ( com novo critério ) os livros de uma estante ). Amanhã, acabarei e depois tenho que me voltar para outra !


Beijo grande e amigo ( TRATA DE TI !!!).

Eduardo P.L. disse...

O espaço e a luz faz toda diferença. Parabéns.

João Menéres disse...

EDUARDO

Qualquer dia ( proximamente ) já não residirei aqui...

myra disse...

DIFICIL IGUALAR ESTA MARAVILHA....COMO TE ENTENDO...SAIR DAQUI...

João Menéres disse...

MYRA

Está a ser muito difícil, de facto..

Um beijOOOOOOOOOOOOOOO

Maria disse...

É um momento de depurar a vida.
Menos, menos, menos, desprender, reequilibrar, simplificar.
Só o que tem na alma já chegava para inundar de luz, de música e de calor qualquer casa. Mas a Callas irá certamente continuar a cantar para si.
Um novo ciclo começa, também tem que se levar paixão.
Beijos

João Menéres disse...

MARIA

Sim, mas não é a vida que se depura !
No caso concreto, é toda uma ambiência que perdura aqui há quase 26 anos, durante os quais sempre fui adquirindo isto e mais aquilo...
Sim a eterna Callas continuará comigo em momentos especiais.

Muito obrigado pelas tuas palavras.

Um beijo.