.

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

TANTA IMPRUDÊNCIA...

© João Menéres


O MAR CRESCE.
A PREIA MAR APROXIMA-SE.
AS PESSOAS NÃO QUEREM SABER.
DE REPENTE, AS VAGAS VARRERÃO
TUDO E TODOS À SUA FRENTE.
A QUALQUER MOMENTO.

DEPOIS HAVERÁ QUEM CULPE
QUE OS MEIOS DE SEGURANÇA
TARDARAM. QUE FORAM INEFICAZES.




17 comentários:

Fatyly disse...

Mais uma foto fantástica e clarificadora da incúria do ser humano e que subscrevo.

Por aqui e principalmente no Cabo da Roca e escarpas das praias é a mesma "irresponsabilidade".

Beijocas e um bom dia

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Belo retrato da imprudência desses seres... Depois as tragédias acontecem...
Abraço e boa semana.
Rui

Maria Manuela disse...

Uma fotografia tão bela e realista... pondo a nu, não só a negligência dos homens como a falta de respeito pelas forças da Natureza...
Beijinho, JOÃO.

Mario Teixeira Gomes disse...

Há mar e mar. Há ir e ficar...
Alerta oportuno acompanhado de uma bela imagem.
Um abraço.

Majo disse...

~~~
~ ~ ~ Seria uma mensagem interessante,

se não aludisse à tragédia da Figueira da Foz...

~ Neste caso, não havia como prever o acidente

que parece não terá sido provocado pelo mau tempo,

mas por erro de manobra. Nem usaram os coletes...


Parece inumana a justificação dada pela autoridade.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

~~~ Uma excelente semana. Beijinhos. ~~~
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Rasuras do Aparo disse...

... faz parte da essência de alguma parte da humanidade ... a irresponsabilidade em algumas situações de risco ... e outras cuja imprevidência tem desfechos funestos muitas vezes não para os próprios ... mas para outros nem vistos nem achados no processo ...

Isabel disse...

E o mais grave é que depois obrigam, desnecessariamente, os salvadores, à exposição a igual perigo.

É uma foto excelente!

Um beijinho:)

Ana Freire disse...

Excelente imagem... de quem põe a sua vida em risco... bem como de quem os possa ter de salvar... da sua própria imprudência...
Destes últimos... é que terei pena... pois não terão as mesmas opções, que os primeiros...
Beijinhos, João! Uma excelente semana!
Ana

Luísa disse...

Sem comentários!

GL disse...

Sabes qual é o problema, João? É que a maioria das pessoas ainda pensa que estas (e outras) desgraças só acontecem aos outros.
É óbvio que não estou a falar dos pescadores, por esses tenho um imenso, um profundo respeito.

Beijinho.

ana disse...

A Natureza é bela e pungente.
Uma fotografia maravilhosa. Um texto que arrepia pela verdade: as pessoas deixaram de assumir as suas responsabilidades...
Beijinho.:))

Remus disse...

«As desgraças só acontecem aos outros.»
É essa a mentalidade do povo português.
E até quando existem avisos que vai estar mau tempo, é quando o povo vai em maior número, em romagem, para as praias ou locais idênticos, para verem o espectáculo da natureza.
Por outro lado os fotógrafos, agradecem. Sempre conseguem fazer fotografias com forte impacto.

João Menéres disse...


FATYLY

RUI PIRES

MARIA MANUELA

MÁRIO TEIXEIRA GOMES

MAJO

RASURAS DO APARO

ISABEL

ANA FREIRE

LUÍSA

GL

ANA



QUE MAIS PODEREI DIZER DEPOIS DE LER TODOS ESTES COMENTÁRIOS ?
BOM...É PRECISO NÃO ESQUECER QUE NAS PRAIAS DO BARLAVENTO ALGARVIO, ONDE PROLIFERAM FALÉSIAS QUE AMEAÇAM RUIR, HÁ MARCAÇÕES A PROIBIR AS PESSOAS A ESCOLHEREM UMA ÁREA PERFEITAMENTE DEMARCADA, LARGAS DEZENAS DE VERANEANTES TEIMAM A IR PARA ESSES SÍTIOS PARA SE PROTEGEREM DO SOL OU DO VENTO...

E mais não digo...

Agradecido pelos contributos.
Beijos / Abraços

João Menéres disse...

REMUS

APANHOU-ME NA CORRIDA !
O COMENTÁRIO ANTERIOR TAMBÉM O INCLUI, OBVIAMENTE.

Rute disse...

João

A Ana tirou-me as palavras da boca! Normalmente há sempre pessoas que tentam ajudar quem está em perigo, pondo muitas vezes em risco as próprias vidas!
O resto, já foi tudo dito.
Mas numa coisa o Remus tem razão, tiram-se excelente fotografias em cenários dramáticos. Esta última frase é só uma constatação e não um incentivo a estes comportamentos irresponsáveis!

1 beijo

João Menéres disse...

RUTE

Há foto-jornalistas que se deliciam ( para não utilizar outro termo que me apetecia ! ) a fotografar tragédias.
Fico arrepiado !
O que vende é SANGUE, servido em prato frio...

Um beijo.

João Menéres disse...

AGORA, FOI UM PETROLEIRO QUE ENCALHOU JUNTO À MARINA DE CASCAIS !...
Parece-me incrível !