.

terça-feira, 20 de outubro de 2015

ESTRUTURA

© João Menéres


MONTANDO BANCADAS




22 comentários:

Remus disse...

E será para??
O tempo quente já acabou, ou pelo menos é expectável que acabe, logo, uma estrutura destas à beira-mar, não deverá ser de agora.

Já eu, em vez de montar bancadas prefiro montar barracas. E de vez em quando armo cada uma, que até levanta vento.
:-P

Gostei do grafismo criado pelas "estacas".

João Menéres disse...

REMUS

Era !
Estavam a montar as bancadas para o Mundial de Futebol de Praia, na Praia da Rocha.
Tenho um filho que, com a família foi festejar o aniversário da minha nora ao Japão, onde o Outono ainda nem bem começou.
Como vê, há tempos diferentes em todo o lado.
Não sou obrigado a editar imagens obtidas na véspera, pois não ?...
Venha daí o vento que entender !
Fui velejador toda a vida !!!

Um abraço amigo.

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Interessante perspetiva, cheguei a pensar ser um local para prática de exercício físico... um pouco aventureiro é certo.
Abraço

Majo disse...

~~~
~ Parece uma estrutura pouco sólida!

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

ana disse...

Um espanto.
Beijinho. :))

João Menéres disse...

RUI PIRES

A prática do exercício é no areal quando há Mundialito.
Isto é para a assistência quando estiver completa a montagem.

Um abraço e grato pela visita.

João Menéres disse...

MAJO
Estás bem enganada !
É muito sólida, mesmo muito...


Um beijo e obrigado.

João Menéres disse...

ANA

OBRIGADO !

Um beijo muito amigo.

Isabel disse...

Gostei da foto, mas fiquei um pouco desapontada porque estava à espera de ver mais alguma da sua casa.

Um beijinho:)

João Menéres disse...

ISABEL

Amanhã !...


Um beijo, sua curiosa...

Ana Freire disse...

Também pensava que seria mais uma foto da sua casa, João!...
Aliás... assim de repente até pensei, que fosse a montagem das estantes dos livros, na casa nova... brincando... só para desanuviar o ambiente, pois calculo, que estes dias têm sido bem duros para si, João!
Antes que me esqueça... mês que vem, depois vou precisar da sua morada nova... depois manda-ma por mail...
Em relação à imagem, um belo efeito gráfico, a que o elemento humano, veio adicionar mais dois focos adicionais de interesse...
Beijinhos! Agradecendo a sua visita e palavras afectuosas, lá no meu canto, para mais, nestes dias tão intensos e ocupados, para si, João!
Ana

Maria Manuela disse...

Gosto imenso !
E sinto solidez neste belo jogo de ãngulos... tendo por base a areia e a experiência do homem... e por tecto... o azul de um céu a espelhar-se na calmaria do mar...
Fantástica Foto, JOÃO !
Beijinhos.:))

Rasuras do Aparo disse...

... vejo-os prisioneiros dela própria ... enquanto espreitam a liberdade lá fora ... ( bela foto)

João Menéres disse...

ANA FREIRE

Ai se fosse!...
Então seria bem grande !
Mas, para isso, não me mudava, não é ?

Darei o novo endereço naturalmente.
Mas, não haveria problema, pois continuarei a vir aqui diariamente durante bastante tempo.
Se te não visito mais, e tu bem o mereces ! é por impossibilidade temporal.
Penso que compreendes e me desculparás.

Um beijo amigo e desculpa o atraso, entre outras coisas.

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Estava a pensar naquele desafio semanal, mas vou participar com outra que estou a tentar executar.
E bem mais simples !
Como é habitual, uma frase me cativou que aqui transcrevo :
E sinto solidez neste belo jogo de ãngulos... tendo por base a areia e a experiência do homem... e por tecto... o azul de um céu a espelhar-se na calmaria do mar...

Um beijo imensamente grato, Maria Manuela.

João Menéres disse...

RASURAS

Tal como eu...
Mas aqui é o mar. Lá, é o rio...


Obrigado pelo elogio à imagem.
Grande abraço grato.

Luísa disse...

Engenhos e engenhocas!
Quanta madeira numa bancada só!
Gosto da fusão céu no mar...ou vice-versa!
Mais uma belíssima foto!
Bjnhs

João Menéres disse...

LUÍSA

Tudo é desmontável e reaproveitado.
Trata-se de uma estrutura bem firme e, consequentemente, segura.
Nos pontos em que há cruzamentos, lá está o aço para as firmar.

Estava prevista para aquele desafio que sabes.
Mas não vou por aí...

Obrigado e um beijo amigo.

Eduardo P.L. disse...

Bancadas seguras.

João Menéres disse...

EDUARDO

É um facto.
Nunca houve qualquer acidente.

Maria disse...

Linda imagem. Porque será que as imagens sequenciais nos transmitem alguma serenidade?
Podia também parecer uma sequência por espelho se o plano fosse outro.
E quando der sombra?
A versatilidade da vida e do artista

João Menéres disse...

MARIA

Não te sei responder, francamente.
Mas estou de acordo com essa análise.

A maior sombra é a da morte.


Um beijo muito grato.