.

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

A MORADIA

© João Menéres



PARA MAIS TARDE RECORDAR...

41 comentários:

ana disse...

João,
Tem uma volumetria fantástica. Foi desenhada por si?
Gosto muito do janelão- que luz! No entanto, em questões de frio e calor deve ser um pouco difícil de gerir a energia, não é?
Adoro arquitectura. Diria que é dos anos 60 /70. Como será a parte frontal?
Linda, muito linda.
Beijinho amigo e especial.:))

Eduardo P.L. disse...

Muito contemporânea. Parabéns.

Presépio no Canal disse...

João,

Bela foto!

Muito espaçosa e airosa esta tua casa.

Coragem nas mudanças ( sei bem o que custa deixar um lugar muito especial).

A história que lá tens vivido vai contigo, no teu coração, remember that...

Um beijinho enorme e abraço forte.

Minhas Pinturas disse...

Bem que poderia ser aqui no Rio de Janeiro, bem fresquinha para nosso verão.
Abração,
Léah

myra disse...

meu querido, lindissima espectacular casa, a que deixou ?... pena mas que formidavel lembrancas...voce nao estara acostumbrado a mudancas, mas assim e a vida...eu mudei de casa de cidades acho que umas 17 vezes, e horrivel, mas querido amigao, a vida vai adiante e ncontramos lindas coisas..novas!

Jorge Pinheiro disse...

Já foi a despedida?

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, ampla e confortável e desejada por qualquer pessoas.
AG

Rute disse...

João

Bem bonita! aposto que vai ser muito feliz dentro desse novo espaço...as coisas ficam cá todas, o que levamos connosco são os sentimentos, as emoções e outras coisas boas deste género...e tenho a certeza , com a sua jovialidade ainda vai dar muitas gargalhadas com os seus, no seu novo lar.
Desejo-lhes as maiores felicidades...

P.S - também deixei há 2 anos a casa onde vivi praticamente toda a vida e sei o que custa...

1 grande beijinho

Remus disse...

Quando morrermos, vamos todos muito direitinhos e deixamos cá tudo. Por isso, nada de tristezas e de saudades.
A vida continua sempre, independentemente do lugar.

Maria Manuela disse...

É bela a moradia !
Bela, espaçosa, luminosa, arejada...
Marca uma época e conta uma história. Mas esta não ficará lá. Irá consigo, bem guardada no seu coração à espera dos próximos capítulo.
JOÃO, considere a mudança um novo desafio... e verá que boas surpresas não faltarão.
Descobrirá, aos poucos, um novo encanto... a juntar às recordações e reencontrará o fio da continuação de uma bela história...
Beijinho grande, caro Amigo.

Ana Freire disse...

Belíssima! E sendo projectada pelo João... constata-se que foi um visionário, para a época... imensos traços de uma contemporaneidade impressionante... linhas bem modernas, arrojadas e actuais... Dos anos 80?...
E com um fabuloso aproveitamento da luminosidade...
Não admira pois, que se sinta tão ligado a ela... mas a vida tem as suas fases e mudanças... também mudei de casa, há alguns anos atrás, no meio de algumas circunstâncias dramáticas, na época, por isso avalio o quanto possa ser doloroso... mas os bons momentos estarão sempre consigo, os que foram vividos nela... e muitos momentos bons, ainda haverá em qualquer outro lugar... e no meu caso... até houve males... que vieram por bem...
A vida sempre será uma caixinha de surpresas... e recheada de momentos bons, em qualquer lugar...
Beijinhos
Ana

Isabel disse...

Uma casa maravilhosa.
Não deve ser fácil deixá-la, mas o que importa agora é ser feliz na sua nova casa e as boas recordações que leva consigo, do tempo vivido aí, ninguém lhas tira!

Que seja muito feliz na nova casa:)

Um beijinho :)

GL disse...

Uau, João, que bonita!
Quando for grande quero uma casinha assim. Não pode ser? Não sejas mau.:))
Não sei se a presente, ou a passada, só sei que é linda.
Felicidades, Amigo, nesta nova fase.
É bom mudar, há uma sensação de mundo novo muito agradável. Sei-o por experiência.:))
Beijinho.

Questiuncas disse...

Quando se muda é para melhor, pelo menos tentámos que assim seja.

Rasuras do Aparo disse...

... É agora é ?! ... Que seja rápido e sem dor ... tal como nos partos ... aqui é uma partida ... para uma nova ambiência decerto feliz também ...
( gosto do desenho assim como o espaço exterior )

João Menéres disse...

ANA e a quem mais fez perguntas que aqui estiverem respondidas


Idealizada e esboçada por mim.
O projecto foi realizado pelo Arqto. João Serôdio, com acertos constantes da minha parte.
Pode ser que venha a mostrar uma ou outra dependência...
Não tinha nenhuma ideia para as janelas...
De Inverno é fria no R/C.
No Verão é bem quente no 1º andar.
O gasóleo está a um preço impensável para ter 5 meses a casa aquecida. Nos anos 80, havia o gasóleo agrícola, bem mais em conta...
A minha torre de comando situa-se nesta área que tem a floreira e vai até ao vitral mais pequeno.
Foi inaugurada em Agosto de 1986.
Parte frontal ?
- É esta, virada a Sul.
Julguei que seria a última de onde sairia com os pés para a frente...afinal, parece que saio com os pés no chão !
Gostas de Arquitectura ?
Que bom, Ana !

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

EDUARDO

Penso que perdurará como contemporânea...
Obrigado.

João Menéres disse...

SANDRA

Obrigado !

Grande beijo.

João Menéres disse...

LÉAH

E não me importava nada de viver aí !!!


Um beijo.

João Menéres disse...

MYRA

E eu mudei de casa já 4 vezes...
Agora vai ser a 5ª...
Tenho um jazigo T 16 para receber o meu sono eterno.

Um beijOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

João Menéres disse...

JORGE

Talvez aconteça em fins deste mês ou princípios de Novembro...
Não pode imaginar a dificuldade !
Quem pode meter o Rossio na Betesga ?

João Menéres disse...

A. GOMES

Quanto a isso, não tenho dúvidas.
As pessoas ficam espantadas com as dimensões reais de cada divisão...

Um abraço grato.

João Menéres disse...

RUTE

Nesta imagem estão 4 carros grandes.
Sabes que neste pátio cabem outros 4 ?
Tenho que me habituar a viver num apartamento de três frentes...

Obrigado pelos votos formulados.

Um beijo.

João Menéres disse...

REMUS

Fácil de dizer...

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Não sei se há fio de meada, sequer...
Até a roupa toda não tem sítio...

Veremos...

Um beijo muito grato e AMIGO.

João Menéres disse...

ANA FREIRE

Os alçados não são da minha responsabilidade, pois não sou arquitecto.
O interior é que tem muito de meu.
A começar na disposição, nas áreas e, sobretudo, num open space que permite alargar o horizonte do 1º andar para o R/C.
Há uma parede que foi pintada com uma tinta especial para projectar os slides ( ou filmes que também fazia ).
Eu ADORO a LUZ !
Por isso, a luminosidade não podia faltar.
( Neste momento, Ana, começou a descarregar água vinda do céu ! )
Sim, eu sei que A vida sempre será uma caixinha de surpresas... e recheada de momentos bons, em qualquer lugar... , como dizes.
Na fase da construção, soube que os vizinhos se interrogavam para que era aquele "fosso" que o vitral grande agora não deixa ver.
Passados anos, começaram a dar valor a esta arquitectura.

Um beijo e o melhor fim de semana possível.

João Menéres disse...

ISABEL

Muito obrigado pelas tuas palavras.
Aconteceram muitas festas, festejaram-se muitos aniversários de várias gerações, realizaram-se muitas reuniões com amigos, etc.,etc...
Só quando o andar estiver mobilado é que poderei pensar no que poderei ainda receber...

Obrigado novamente, Isabel.

Um beijo Amigo.

João Menéres disse...

GL

Sabes, querida amiga, nasci numa casa muito grande que ocupava quase meio quarteirão, com três ruas a rodeá-la...
Nesta, só não vejo o mar...
De resto, tem tudo o que sonhei.

A idade não perdoa e é preciso pensar no conforto de quem ficará só.
O andar, é mais adequado nessa situação.

Um beijo muito grato.

João Menéres disse...

RASURAS

Tudo terá que correr bem...
± quinze dias...
Obrigado pelas esperanças transmitidas !

Um abraço amigo.

Manu disse...

Uaua João!!
Uma casa bem ao meu estilo! Entrei em muitas aí na Boavista e sempre ficava encantada e pensava cá para os meus botões...um dia hei-de ter uma parecida!
Na verdade anos mais tarde o meu sonho concretizou-se, mas a vida dá muitas voltas e hoje vivo num T3 onde sou muito feliz.
Já li pelos comentários que vai mudar desejo-lhe as maiores felicidades, não importa o tamanho, o melhor mesmo é sermos felizes.
Ah ..e não se esqueça do brinde com um bom Douro, não sei se gosta da sugestão que deixei no blog do Remus!

Beijos Remus

João Menéres disse...

MANU

Muito grato te fico por me desejares felicidades.
Claro que aprecio e muito um bom vinho do Douro (mas não só...).

Vou de imediato ver o teu brinde no Pontos de Vistas !

Um beijo e cuidado com a intempérie.

Luna disse...

Olá Tio,

Nada se perde, tudo se transforma!
Quando "perdemos" algo é para podermos ganhar algo novo. Uma parte de nós tem de "morrer" para outra parte de nós poder (re)Nascer. A vida é transformação constante. E qual seria o propósito da Vida se não deixássemos a Vida mudar-nos? Se a vida muda, nós mudamos com ela... E se nós mudamos, a vida muda connosco. Faz parte do equilibrio da Natureza.

CORAGEM para o novo desafio da vida! Aceite-o como parte do processo natural e verá que fica mais fácil fazer a transição.
Sinta GRATIDÃO por ter podido viver esse sonho durante tanto tempo, e por estar a ser uma mudança planeada e estruturada passo-a-passo, num timming que me parece adequado e equilibrado.

Boa sorte e força!! :)

Beijinhos,
Patrícia

João Menéres disse...

LUNA

Minha querida

Então eu não havia de saber que nada se cria, mas tudo se transforma ?
Renascer aos oitenta e onze meses ?
- Não, PAT, não vou renascer !
Só me resta tentar adiar o meu último renascer no sonho eterno...
O que nos vale é ter a possibilidade de para aqui voltar se chegarmos à conclusão que não nos adaptamos a um andar muito agradável, mas que, como todos, tem várias limitações...
Vou sentir a falta de TUDO ( do jardim onde os netos brincaram e brincam, da piscina, do ambiente desafogado, tanto no interior, como no que rodeia esta casa, das amplas ( quase pornográficas ) divisões de que dispomos !
Sim, estou GRATO por viver nesta casa desde Agosto de 1986 !
2ª feira vão as minhas estantes e mais qualquer coisa.
Depois, com vagar, seguirá o que couber.
Mas, não tenhas dúvidas, é muito sofrer !...

Um beijo enorme e obrigado por me quereres transmitir uma corrente positiva.

Luna disse...

Tio,

Eu sei que sabe, mas é sempre bom relembrar aquilo que já "sabemos". É uma nova oportunidade para repensar esse Saber e encaixá-lo numa nova situação.

Claro que vai renascer!! Estamos sempre a renascer, até nas mais pequenas coisas. Enquanto há vida, há renascimentos até se dar esse último renascimento, o maior de todos!

É bom que tenha a possibilidade de voltar, seja para revisitar ou por inadaptação. Muitas pessoas mudam abruptamente e sem possibilidade de regressar nem para "matar saudades", por situações drásticas da vida.

Ena, tanto tempo... 1986 ainda nem eu tinha vindo a este mundo. Eheh
Pode tentar colar móveis no tecto e assim cabem mais coisas... LOL, brincadeirinha :P

Eu sei que sofre, não deixa de ser uma "morte", como disse. Por isso digo para se focar também no positivo, para aliviar um pouco esse sofrer.

Beijinhos com energia positiva :)

João Menéres disse...

LUNA

Nem sei que te diga mais...

Um beijo e muito obrigado.

JANE GATTI disse...

Como a borboleta, que deixa o seu casulo, em que viveu protegida e segura, e alça os céus, para o prazer do voar, assim devemos ver as transições pelas quais passamos em nossa vida. Soltar as amarras e viver o presente que se apresenta, novos ângulos de visão, novos caminhos a percorrer, isso é um privilégio que poucos podem vivenciar. Seja qual for o motivo da mudança, ela é sempre um recomeço, um renascer para o que há de vir. Aproveite o que de bom e belo lhe trará a mudança, meu amigo. Tenho certeza de que seus olhos de poeta verão muita beleza em seu novo lar. Aliás, lar é onde estamos com nossos queridos, amando e sendo amados. O espaço físico é apenas um detalhe. Receba meu carinho. Beijos.

Fatyly disse...

Uma casa imensamente bela e sei tão bem João que não é fácil ter de deixar "o que julgávamos ser até aos fins dos nossos dias".

Nunca tive casa própria, nem lá, nem no Brasil, nem cá...mas quando vim para esta foi a 8ª vez que mudei. A que seria a 9ª, mais uma vez a minha mãe desistiu e eu também.

Força e terás o apoio de todos os teus, embora e volto a repetir, não é fácil.

Um abraço enorme

João Menéres disse...

JANE GATTI

Só te posso agradecer as palavras de muito ânimo que me transmites.
O futuro o dirá, naturalmente.
Mas, já te imaginaste metida dentro de uma roupa cujo nº é abaixo do teu ?


Um beijo imensamente grato.

João Menéres disse...

FATYLY

Não vai ser nada fácil, não...
Há meses que ando a tentar assumir.
Às vezes, penso que estou preparado, mas na realidade não me consigo convencer.
A mudança será daqui a ± duas semanas.
Entretanto, 2ª feira, dia 19, há o primeiro movimento real dessa mudança...
Depois, vamos arrumar os objectos ( louças e livros ) para estes móveis.
É a 1ª fase :consciencializar‎ !

Um beijo gratíssimo.

Céu Vieira disse...

Lindíssima!! Gosto muito destas linhas!! ((*_*))

João Menéres disse...

CÉU

Vou ter muitas saudades de tudo...


Um beijo grato e amigo.