.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

DIA DE NATAL / 2014



© João Menéres

OS SETE NETOS

ESTE TERÁ SIDO O ÚLTIMO NATAL
PASSADO NA CASA DA BOAVISTA...

26 comentários:

Presépio no Canal disse...

Que linda fotografia, João: a luz da casa, as expressões felizes e carinhosas das crianças, a árvore de Natal tão bonita, o ambiente acolhedor(os quadros, a lareira,...) e o olhar do fotógrafo que nos traz tudo isto.
A frase é que me deixou um pouco sem saber como me sentir. Espero que o motivo seja bom (como mudar para uma casa que te tenha encantado mais).
Um beijinho neste segundo dia de Natal
(aqui é feriado).

João Menéres disse...

SANDRA

Muito obrigado por cada palavra.
Por uma questão de racionalidade, é conveniente pensa no dia de amanhã.
Um apartamento não tem escadas e é mais aconchegante.
Quanto ao resto, está a custar-me muito encarar de frente a situação, como bem imaginaste.

Um beijo amigo e grato.

ana disse...

Querido João,
Um Natal inesquecível. Netos lindos.
Uma árvore maravilhosa.

Um ambiente festivo como o Natal requer.
A casa do João é onde o João estiver.
Os quadros irão, os objectos que gosta também o acompanharão.
Há sempre uma certa nostalgia da casa em que viveu muitos anos, mas é um acto de coragem e de inteligência a sua escolha.
Feliz Ano Novo na companhia dos netos.
Beijinho muito amigo. :))

João Menéres disse...

ANA

Jesus também nasceu numa humilde cabana.
No fundo, não é o tamanho que conta...
O nº de quadros e de livros terão que ser significativamente reduzidos.
E a colecção de Cristos e de tabuleiros de xadrez também.
Como os anos aumentam, as carências diminuem...

Um beijo muito amigo.

Rute disse...

Que lindos são os seus netos e que belos sorrisos. é bonito ver o ambiente acolhedor que os rodeia.

percebo perfeitamente o que sente em relação à casa, também deixei a minha há dois anos e vivi lá praticamente toda a minha vida. Custou muito, mas vamo-nos habituando porque as perdas maiores são mesmo as das pessoas.

1 beijinho, João

Remus disse...

:-)
Todos sorridentes, todos bem dispostos... Está visto que foi um Natal muito bem passado.
Parabéns a todos!

João Menéres disse...

RUTE

Obrigado pela intenção do conforto moral.
Sabes, vivemos aqui desde 1986 e fui eu que praticamente projectei o interior...
É como me arrancarem parte de mim sem sedação !
Nasci numa casa de 4 frentes com um enorme jardim e quintal.
Depois, estive a viver numa de 3 frentes, até casar em 1964. Aí aluguei um andar na parte alta da cidade.
Quando os filhos começaram a deixar de ser bébés, o meu sonho foi materializado e passámos para esta com jardim enorme e uma piscina nas traseiras desenhada por mim em forma de orelha.
A casa de banho da suite tem janelões voltados para a piscina. Gosto de fazer a barba sentado na bancada de dois lavatórios a ver os aviões passarem por cima de mim para aterrarem no Aeroporto de Fr. de Sá Carneiro.
Tenho espaço para tudo.
Não contando com a garagem, no pátio arrumam-de 7 ou 8 carros...
Mas a decisão é racional.

Um beijo e obrigado pelo elogio à prole descendente.

Um beijo amigo.

João Menéres disse...

REMUS

Os sorrisos nunca faltam, meu caro.

Um abraço agradecido.

Agostinho disse...

Na nova colmeia há de manter-se um agasalho compensador. Com uma prole assim...
Saúde e festas felizes.

João Menéres disse...

AGOSTINHO

Agradeço o optimismo...Os filhos e as noras arrumavam as viaturas cá dentro.
No futuro, vão ter que procurar cada um o seu lugar...

Agradeço os votos e desejo-lhe um Feliz Ano 2015.

Um abraço.

Isabel disse...

Os seus netos são todos muito lindos.

Sabe, há cerca de oito anos quando faleceu o meu pai, a minha mãe veio morar comigo e deixamos a casa que foi dos meus pais durante cerca de meio século. A casa para onde fui com um ano e onde nasceu a minha irmã mais nova. Tinha um quintal grande onde passei dias e dias de brincadeiras felizes. Custou no dia em fechamos a porta pela última vez e a entregámos ao senhorio.
Mas pensei que ía ser muito mais difícil. Hoje recordo-a com saudade, mas estou bem aqui onde moro.

A sua casa deve ser uma maravilha, mas talvez acabe por não sofrer tanto como pensa e acabe por se adaptar muito bem à nova casa.
Oxalá assim seja:)

Um beijinho e que o novo ano traga saúde e felicidade na nova casa e junto dessa família linda que tem ao seu redor.

João Menéres disse...

ISABEL

Obrigado por tudo !
É engraçado ver as fotos dos Natais anteriores e verificar o que eles cresceram !
Neste momento, a diferença de idades é de um ano entre cada.
No dia 28, há um que "estraga" a escada...
A mais velha tem 15 anos ( e pediu uma Canon ! ).
Pois...quer queira, quer não, tenho que me adaptar !

Um beijo muito amigo.

Jorge Pinheiro disse...

Os netos estão todos fantásticos.
Quanto à mudança de casa, os meus país fizeram o mesmo aos 70 anos. Agora já sou eu que me interrogo se não devia fazer o mesmo. Decisões muito difíceis.

Fatyly disse...

e como estão tão crescidos e tão bonitos e olhando para cada um, a neta que está de saia...tem traços teus sobretudo o sorriso. Será?

Quanto à mudança, amigo o que tem de ser, tem muita força. Não é fácil mas verás depois que afinal foi o melhor para ti. Quem dera que a minha mãe fizesse o mesmo, seria bom para ela e para mim, porque um quarto andar sem elevador é duro, muito duro...

Força campeão e continuação de boas festas e que 2015 te/nos faça sorrir.

Beijos extensíveis a todos os teus

João Menéres disse...

JORGE

Até eu me espanto, Jorge !

A mudança de casa, para um apartamento, deve ser muito bem pensada e, como tal, com calma.
Vocês são ainda novos mas podem aproveitar esta época de crise para comprar na zona que mais vos agradar um magnífico apartamento.
Atenção : Tem que ter uma fachada virada a Sul !
E cuidado nos lugares de garagem que vos destinem !

João Menéres disse...

FATYLY

Talvez, talvez...

Um 4º andar sem ascensor é impensável !
E mais não digo...

Obrigado pelos votos expressos para 2015. Veremos a evolução...

Um beijo e felicidades para toda a família.

Maria Manuela disse...

Lindos !
E o sorriso bem reflecte o ambiente de Natal que os envolve e acarinha...

João, ler o que responde à Rute é lê-lo a si, nesta mudança que, aos poucos se vai avizinhando...
Parabéns pela visão objectiva e decisão acertadíssima !
E estes netos, daqui a um ano, MAIORES e radiantes..., entre luzes e presentes, reaparecerão noutro espaço... focados pelo OLHAR do AVÔ, vencedor de mais um desafio na vida !...
Beijinhos, caro Amigo !

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

É a fotografia que todos os dias 25 de Dezembro, antes do almoço, faço aos netos.
Sempre à pressa porque um filho chega em cima da hora e já todos os outros querem almoçar.
Este ano, tivemos a agradável SURPRESA de duas AMIGAS de Lisboa que chegaram para almoçar.
Houve a necessidade de refazer a mesa que estava para 18 pessoas...
Também caberão na nova sala, embora o cenário seja bem diferente.

Continuação de dias esperançosos e um beijo muito amigo e sempre muito agradecido.

Presépio no Canal disse...

Vou querer saber a nova morada para enviar o postal da praxe a desejar felicidades na nova casa, como é habitual por aqui. ;-)
Muitas felicidades na nova casa, João. Será outro espaço onde farás história...:-)
Beijinhos!

João Menéres disse...

SANDRA

Ainda não é para já.

Obrigado.

Um grande beijo.

GL disse...

Há pessoas abençoadas, e tu, caro João, és uma delas. É que Deus presenteou-te com um belíssimo grupo, agora de seguidores mas que daqui a muitos anos serão a tua continuidade.
São todos super simpáticos, mas há um(a) - é óbvio que não vou dizer qual! - que encanta, e mais não digo.
Um Santo Ano para todos, muito em especial para o avô feliz.
Obrigada pela partilha. :))
Beijinho para todos.

João Menéres disse...

GL

Fomos aos 13 anos do João Pedro. ( O do meio ).

Obrigado !!!

Um beijo.

Ana Freire disse...

Apercebi-me através deste post, que este seria um Natal marcante, para o João, devido à mudança de casa, que estará a pensar fazer, futuramente...
Mas, no fundo, a nossa casa será sempre o lugar, onde podemos estar perto de quem mais amamos.
E por muito que a casa signifique, para o João... sem dúvida, a sua maior obra será a família magnifica que construiu, e que terá por perto... aí, ou em qualquer outro lugar mais aconchegante.
Sei avaliar o que o João possa estar a passar.
Há uns anos atrás, também mudei de casa, em que sempre tinha vivido até aí, após um grave acidente que a minha mãe sofreu... e do dia para a noite, tudo mudou radicalmente... e contudo, nada disso foi tão importante, como pensei que seria... e anos mais tarde, até ambas chegámos à conclusão que toda aquela mudança, até chegou na hora certa... e que até foi para melhor...
E no fundo são sempre assim, todas as mudanças, na nossa vida... ou serão para melhor, ou para nos ensinar algo, ou para começarmos a dar o devido valor, a algo de uma forma diferente, como até aí não teríamos feito.
Todas as mudanças têm sempre algo de positivo, e quando se tornam necessárias, não devemos receá-las, mas aceitá-las...
Belíssima esta imagem, João!
E o que interessa é somente a imagem... a casa, é apenas a moldura onde a fotografia foi tirada... a imagem andará sempre no coração do João!
Beijinhos. Coragem, e um bom 2015, com saúde, para si e os seus... tudo o mais é secundário...
Ana

Luísa disse...

O que importam as paredes se estes sorrisos lindos te acompanham?
Grande decisão! Sábia decisão!
Mil beijinhos em despedida...do ano!

João Menéres disse...

ANA

Tens toda a razão no que dizes, naturalmente.
O pior é a diferença de área e eu não saber o que fazer a tudo o que tenho acumulado ao longo de mais de sessenta e tantos anos...
Mas é uma decisão racional, sem dúvida.

Um beijo muito grato.

João Menéres disse...

LUÍSA

Fácil dizer que importam as paredes ?

Compreendo o motivo por que tal dizes...

Um beijo.