.

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

O MEU SANTUÁRIO


© João Menéres


É NO RIO ARADO, A CAMINHO DE FAFIÃO,
PARA QUEM VEM DA ERMIDA.

OS LOCAIS CHAMAMAM-LHE DE
QUEDA DE FRADELOS.
AGORA É CONHECIDA POR
CASCATA DE THAITI.

FICA NO PARQUE NACIONAL PENEDA-GERÊS.

22 comentários:

GL disse...

Que bela forma de começar o dia!
Lindissima a cascata. Não admira o titulo do post. Também seria o meu santuário.
Obrigada pela beleza partilhada.

Beijinho

Remus disse...

Nunca a vi ao vivo e a cores... e é LINDA.

O que não sabia, é que era o "seu santuário". É preciso pagar alguma coisa ao amigo João para usufruir dela? Alguma mensalidade? Ou o amigo João é uns mãos largas e é de acesso livre?!
:-D

João Menéres disse...

GL

Bem sabes como gosto de dar a conhecer tudo quanto gosto !
E de Portugal, com muito mais razão !

Um beijo e obrigado.

Questiuncas disse...

Tem um santuário muito belo.
Desconheço, nunca lá fui, mas como é o seu santuário, à que respeitar.

João Menéres disse...

REMUS

Vou procurar outros pormenores deste sítio maravilhoso.
Tenho-os em slides e, por isso, só quando tiver tempo para os digitalizar é que o poderei fazer.
E não sei quando será...

Sou um mãos largas, bem sabe.
Essa do santuáriotem muito que se lhe diga ! Foi há muitos anos ( Ui !...).

Informo que para alcançar este ponto de onde captei esta vista é perigoso e um tanto difícil.
Hoje já não disporia da indispensável ginástica e já tenho mais consciência dos riscos assumidos.

Um abraço muito grato.

João Menéres disse...

QUESTIUNCAS


O santuário é de todos, ou não estivesse no PNPG !

Como disse ao REMUS, isso são outras histórias e de
um outro tempo...

Agora chamam-lhe Cascata Thaiti...
Nessa altura, era simplesmente a
QUEDA DE FARDELOS !...

Grande abraço ( e vá lá no princípio da Primavera !)

Jorge Pinheiro disse...

Maravilhoso. As cascatas são sempre um espectáculo. E quando se sabe fotografar ficam surreais.

João Menéres disse...

JORGE

E esta foi sem tripé.
Sabe lá Deus para eu conseguir descer a escarpa com a camera !...
Tive que me agarrar a todos os ramitos que me aparecessem no caminho ou lançar-me, autenticamente, contra um tronco que estivesse 50cm abaixo !...

Um abraço e obrigado.

©arloslemos disse...

A Natureza no seu esplendor! Uma foto como esta compensa bem o malabarismo a que obriga.

Rasuras do Aparo disse...

... ainda bem que não houve queda na " Queda de Fradelos" ... mas sim salpicos ... deslizes de mãos e pés ... e por fim uma imagem "sacra" ...

Norival Duarte disse...

Linda cascata e parabéns pela foto!

Grande abraço.

L.Reis disse...

Ah…também aqui estive…mas eu não tenho esta arte para mostrar o mundo quando ele veste o seu manto de bruma líquidas...

mariam [Maria Martins] disse...

Linda! Belíssimo santuário, esse! Pbs. [Já calcorreei muuito por essas serranias, na prática de um desporto muito ecológico, a Orientação...)]. Beijinhos :)

João Menéres disse...

©ARLOS LEMOS

Hoje seria ainda mais difícil, claro.
Mas valeu a pena, SIM !



Um abraço.

João Menéres disse...

RASURAS DO APARO

Nesta nem salpicos houve !
Só escorregadelas a cada passo.
Mas isso damos nós tantas na vida !...


Um abraço muito amigo.

João Menéres disse...

NORIVAL DUARTE

Muito obrigado pelas suas palavras !

Um abraço.

João Menéres disse...

L. REIS

A sério ?
E foste ravina abaixo ?
Só saindo da estrada e descendo pelo meio do arbustos e árvores se vê este santuário !
Qual não tens ?
Tu fazes tudo o que sonhas !


Um beijo e obrigado.

João Menéres disse...

MARIAM

E conheces esta cascata ?
Quem não sabe, não a vê, embora esteja ao ladinho da estrada !
A pé, a partir do Lindoso, subi a Serra Amarela edesci até à Portela do Homem.
Até tive que rastejar sob uma árvore caída, para poder prosseguir !
Outra vez, um jeep deixou-me nos Carris e vim pelos Prados da Messe e desci para Albergaria !
Filmei e fotografeios garranos selvagens nos Prados da Messe.
Que bom teres-me feito recordar essas aventuras maravilhosas !

Um beijo imensamente grato.


Maria Manuela disse...

João,
mais uma maravilha da Natureza, este seu "santuário"!...
E ela, a deusa caprichosa, saltando livre por todos estes altares e... inebriando os olhos de quem a contempla... extasiado... e se prende pelo seu canto de sereia...
Belíssima imagem, João!
Beijinhos

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Que maravilhoso comentário !
Só de o ler me senti lá mesmo !

Um beijo muito Amigo e agradecido.

Li Ferreira Nhan disse...

Quando o tempo " para" e a natureza nos é revelada em toda sua beleza e grandiosidade ; essa é a arte de bem fotografar! Obrigada João por nos mostrar esse espetáculo!
Beijo querido!

João Menéres disse...

LI

Muito obrigado pelas tuas palavras sempre tão elogiosas.

Um beijo, minha querida Amiga.