.

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

MÉRTOLA

© João Menéres


MÉRTOLA PROJECTADA NO RIO GUADIANA.
Os romanos denominaram-na de Myrtilis.
A sua origem virá dos fenícios e dos cartagineses.
Os romanos deixaram-na cair nas mãos dos suevos e
depois, foram os visigodos que a cristianizaram.
Os judeus também por aqui estiveram.
Porém, foram os muçulmanos a dar-lhe o
nome de Mártula.
Só em 1238 é que Mértola passa a integrar o Reino de Portugal.

A sua história tumultuosa merece ser conhecida.

22 comentários:

Mario Teixeira Gomes disse...

Bom dia. Belíssima imagem. Abraço/Mário

João Menéres disse...

MMÁRIO

Obrigado pelo seu comentário, mas pensei que ia obter um melhor resultado.

Um abraço.

Luísa disse...

Imagem intensamente bela!
Murais da história, contada por um Grifo muito especial!
Aprecio o teu voo de imagem e texto1
beijinhos

Remus disse...

Mértola...
Na altura que lá fui (só lá fui uma única vez) foi no pico do Verão, pelo que a paisagem era árida, seca e devido ao calor, não era nada convidativo andar a passear pelas ruas.
Faço intenções de lá voltar, mas numa época do ano mais fresca e de provar uma sericaia, já que na altura, no almoço, quando chegou a nossa vez de comer a sobremesa, elas tinham acabado de esgotar.
:-)

GL disse...

Ora aí está! Um pedacinho de História acompanhado de uma bela fotografia.
Ando com vontade de revisitar terras alentejanas. Vamos se consigo alguma disponibilidade.

Beijinho.

Questiuncas disse...

Nunca fui a Mértola, mas esta bela fotografia é um excelente convite.

Jorge Pinheiro disse...

Concordo co Remus. Cuidado com Mértola!

Ana Bailune disse...

Bom dia, João. Que lugar lindo! E a cidade refletida na água dá um ar etéreo à foto.

Eduardo P.L. disse...

Boa imagem e curiosas informações. Com o frio que anda fazendo aqui, dá até saudade desse verão...

Li Ferreira Nhan disse...

Tanto por conhecer...
Lindo o lugar, tão alvo!

Estava com tanta saudade deste Grifo!!! Ora se estava!
Beijo querido!

ZEKARLOS disse...

Grande postal, muito bom. Grande abraço

Rasuras do Aparo disse...

... ei-la com o seu vestido branco ... encastelada e resistente aos encantos dos primeiros amores ... até que se deixou seduzir pelo seu velho castelo altaneiro e abraçar pelo seu eterno azul...

Maria Manuela disse...

Linda imagem!!!
Cores naturais... Gosto muito!...
E lá está ela, branquinha, a mirar-se no seu espelho de sempre, qual moura encantada!...
Haverá outra mais bela do que eu? E que revele tanta História quanto eu?!

Grata, João, por ter poisado o olhar neste bocadinho de Alentejo profundo, ao por ali planar e nos querer mostrar...

Um beijinho e boa noite.

Kaipiroska disse...

Não conheço, mas esta foto já aguçou a vontade de a visitar, ainda mais sendo um local erguido por entre muralhas... :)

:.tossan© disse...

Um belíssimo trabalho de imagem. Gosto de visitar à este espaço sempre porque me sinto a vontade e vejo a beleza. Abraço João

myra disse...

gomo gostaria de conhecer!!! belllllo!linda !

Conceição Duarte disse...

João, que beleza de lugar!
bjs

CON

João Menéres disse...

LUÍSA

REMUS

GL

QUESTIUNCAS

JORGE

ANA ( Mas mal se adivinha o castelo...)

EDUARDO ( Nem pense ir a Mértola com semelhante calor ! )

LI ( Obrigado pelas saudades ! )

ZEKARLOS

RASURAS DO APARO ( O eterno poeta ! Obrigado. )

MARIA MANUELA ( Andava há anos para fazer este clique ! Este ano, calhou, finalmente. )

CARIN ( Temos muitos por cá, como deves saber. )

TOSSAN ( Muito obrigado pela gentilrzadas palavras)

MYRA ( Mas não te irias dar bem com este calor...)

CON

OBRIGADO A TODOS ! )
DESCULPEM UM AGRADECIMENTO GENÉRICO, MAS JÁ TENHO OS DE HOJE PARA FAZER...
E como amanhã volto a sair...






Nem podem imaginar o calor que tive de suportar !
Não estava longe dos 40º !
Em Mértola, onde fui depois de ter andado aqui às voltas, descendo e subindo, estava insuportável.
Um comerciante local, disse-me que nem em África, onde vivera anos e anos, apanhara tanto calor !
Andei à procura de qualquer sombra mas acabei por desistir...

ana disse...

É muito bonita esta cidadezinha alentejana.
Adorei a foto.
Beijinho. :))

João Menéres disse...

ANA

Mas não irias gostar nada do calor...

obrigado !

Um beijo.

Mena G disse...

Nos meus tempos de estudante de Antropologia, conheci "um lado de dentro" de Mértola através de Claudio Torres.Tive a sorte de visitar a cripta recentemente descoberta e o Museu antes de aberto ao público. Coisa que nunca esqueci: o relógio da torre, só com ponteiro das horas... Bem central nesta foto. :)Linda fotografia, Mértola e o Guadiana.

João Menéres disse...

MENA

Também te deitas tarde !...
E mais tarde do que eu, pelos vistos.
Cuida da tua saúde !

Não conheço a cripta de Mértola. Só a de Coimbra, no Museu Machadode Castro.

Esqueci-me de levar o teu endereço. Teria tentado fazer-te uma visita surpresa...

Um beijo Amigo.