.

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

11 DE SETEMBRO DE 2001

© João Menéres


OITO ANOS ANTES DO ATENTADO, QUANDO AINDA TÍNHAMOS UM DOS
"EX-LIBRIS" DE NOVA YORQUE...


13 comentários:

Luísa disse...

Sempre memorávelis!
Ainda arrepia, só de pensar no que aconteceu!
Bjnhs

myra disse...

triste data!!!!

Questiuncas disse...

Lembro-me muito bem desta data, mas por outros motivos. Neste dia uma amiga da minha querida marida que mora em Lisboa veio passar uns dias ao Porto.
Apesar de ela ser de Lisboa é adepta do FCP e foi com ela que entrei pela primeira e única vez no Dragão.

Eduardo P.L. disse...

Foto histórica de uma NY que não existe mais.

Rasuras do Aparo disse...

... era uma vez na América ...
data com repercussões danadas para todos ...

Maria Manuela disse...

Data fatídica... em que só de pensar se estremece!...
E em princípios de novo século, o mundo começou a abrir mais os olhos para outras realidades!...

E precisa-se tanto de paz e justiça por toda a parte!...

Um beijinho, João!

Li Ferreira Nhan disse...

Imagem fantástica João! Possui uma aura irreal, como um sonho.
Inimaginável o que aconteceria depois.
Ótimo e oportuno post!
Beijo querido.


Remus disse...

Já ouvi e li muitos artigos sobre o 11 de Setembro que deixaram-me a pensar se de facto a história foi toda bem contada. Acredito que existiu muito mais história do que aquela que veio a lume.

Lamento muito a morte daquelas milhares de pessoas que estavam dentro dos edifícios e dos aviões, assim como também lamento as dezenas de pessoas que continuam a morrer por dia no Iraque, Sudão, Etiopia...
Não acho as mortes do 11 de Setembro sejam mais importantes que as outras... todas elas, bem vistas as coisas, resultaram e resultam por motivos de questões políticas.

GL disse...

Faço minhas, em certa medida e se me permitido, as palavras do Remus.
É indiscutivel o horror, a tragédia que foi o desastre do 11 de Setembro. Pena é que, tendencialmente, se rememore o passado e se esqueça o presente.
Caro João, quantos milhares de inocentes continuam a morrer, um pouco por todo o mundo em nome de um deus, de um ideal, de mil interesses camuflados, quantos?! Muitos se lembrarão deles, hoje, agora?

A tua fotografia foi o único apaziguamento para a mágoa que toda esta hipocrisia me provoca.

Beijinho, e desculpa o desabafo.

Isabel disse...

Belíssima foto!
Um beijinho!

João Menéres disse...


SE ME PERMITEM, FAÇO O AGRADECIMENTO AQUI A TODOS

AO REMUS, DIRIA QUE NÃO HÁ UMAS MORTES MENOS IMPORTANTES DO QUE OUTRAS.
MAS, AS DE UM ATENTADO TERRORISTA TÊM UM SIGNIFICADO DIFERENTE. VEJA SÓ O QUE O MUNDO SE ALTEROU DESDE ENTÃO...

:.tossan© disse...

Meu Deus! Como poderia esquecer. Perdi um amigo lá. A foto é um documento lindo. Abraço e parabéns pela homenagem. Abraço

João Menéres disse...

TOSSAN

Lamento, meu caro Tossan.

Um abraço grato.