.

sábado, 16 de fevereiro de 2013

ORIENTE

© João Menéres

UMA ÁRVORE ILUMINADA
PARA COMEMORAR O
ANO NOVO CHINÊS.

________________________

COMENTÁRIOS QUE MERECEM UM POST :
A propósito da nossa postagem de ontem, 

o nosso amigo   T   escreveu :


... fruto é algo que depende da sua maturação ... textura e por vezes cor para que se torne apetecível aos olhos tacto e gosto ... ora o facto de cada um a ver com os seus sentidos ... não significa que não continue a ser um fruto ... por vezes quanto mais à mão melhor ... nem que sejamos obrigados a adulterar o seu sabor base com um pouco de mel ... açucar ... ou adoçante ... aliás por vezes só com estes últimos estímulos é possível ser apreciado com mais imaginação ...

17 comentários:

myra disse...

como consegue estas fotos? esta entao e uma maravilha!!!!

Luísa disse...

Rua cheia de ausências!

Beijinhos mil, Senhor das mil e uma belas imagens!

Eduardo P.L. disse...

A China vem aí!!!!

Maria Manuela disse...

Um belo contraste a horas mortas!...

Será mesmo uma árvore ou apenas uma estrutura que a imita e suporta milhentas luzes?
As gentes que ali festejavam o novo ano, já recolheram... ficou, apenas, uma solidão iluminada e a iluminar...
E um Grifo, ocasional, avistou um clarão ao longe, aproximou-se a planar e captou esta beleza de imagem!...
Um beijo e obrigada pela linda foto

João Menéres disse...

MYRA

O clima ajudava a passear e a tentar encontrar motivos para enriquecer o meu olhar...

Obrigado e um beijoooooo com os votos de um bom Domingo.

João Menéres disse...

LUÍSA

Em tempo de crise, até se pode economizar nas palavras sem que sintamos a barriga vazia !

Um beijo e aproveita o Domingo para descansares um pouco.

João Menéres disse...

EDUARDO

Aqui, já chegou força !

João Menéres disse...

MARIA MANUELA

Era mesmo uma árvore com ilumição festiva !
A população não se encontrava por aqui, junto ao mar.
Estava mais no centro, onde não faltavam diversões !

Obrigado e um beijo.

ana disse...

João,
Gostei desta perspectiva. :)
Foi recentemente ao Oriente?
Beijinhos.

L.Reis disse...

Ah...e se houvesse uma semente de de estrela, será que poderíamos plantar uma árvore e apanhar uma cintilação amadurecida pela noite?...eu gostava...

gb disse...

Talvez aquela árvore preferisse muito mais agarrar-se à escuridão do que ter a ela agarrada a artificialidade da luz.

Mas ela é que sabe ...

João Menéres disse...

ANA

Recentemente ao Oriente ?
-Não,não...Estamos em crise !

Um beijo e obrigado.

João Menéres disse...

L.REIS

Vamos procurar ?
Só não se encontra o que se busca...

Um beijo.

João Menéres disse...

GB

Achas que estar só,conforta ?
Se não estivesse iluminada, não tinha dado por ela...


Um beijo e obrigado.

Anónimo disse...

... segui as luzes dos candeeiros uma a uma ( não não ia montado num camelo ,não ...) na busca dela ... e eis que ela surgiu ... inevitávelmente luminosa como habitualmente nos dias festivos e risonha até mais não ...
T

João Menéres disse...

> T <

Obrigado , meu caro amigo, por mais este apreciado comentário.

Um abraço e boa semana.

Remus disse...

Para mim, ver uma árvore assim vestida, é sinónimo de Natal.

Mas lá está, cada cultura arranja sempre os melhores pretextos para festejar.
:-)