.

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

CENTRO GALEGO DE ARTE CONTEMPORÂNEA / I

© João Menéres

ESTA É A FACHADA QUE DÁ
ACESSO À ENTRADA DESTE
MUSEU,  INAUGURADO EM 1993
E PROJECTADO POR ALVARO SIZA VIEIRA.

DA CATEDRAL DISTA 7 MINUTOS A PÉ.


© João Menéres

GOSTARÍAMOS DE FALAR 
DA ESPECTACULAR LUMINOSIDADE
QUE SIZA VIEIRA ENCONTROU
PARA TODAS AS SALAS,
MAS NÃO É POSSÍVEL
AQUI FALAR DE TUDO.
ATÉ 10 DE FEVEREIRO DE 2013
ESTÁ PATENTE UMA MONUMENTAL
EXPOSIÇÃO DE FERNANDO CASÁS,
QUE ACONSELHAMOS VIVAMENTE :
NÃO PERCAM !
AQUI, VISITANTES E ESTUDANTES
APRECIAM E ESTUDAM A OBRA
DE SIZA VIEIRA E DE CASÁS.


© João Menéres


NOUTRA SALA, ENTRE VÁRIAS OBRAS,
ENCONTRA-SE A PEÇA...


© João Menéres


1492 FRAGMENTOS DE AMÉRICA,
REALIZADA ENTRE 1992 e 2012.
PINTURA FUNDIDA EM POLIESTER 
E FIBRA DE VIDRO.
DIMENSÕES : 3,20 x 6,90 METROS.


NOTA : AMANHÃ CONCLUIREMOS
A POSTAGEM DEDICADA AO CGAC.
______

" O ÚLTIMO BLOG e outras blogagens "

VISITEM O VARAL DE IDÉIAS
E SAIBAM A ÚLTIMA NOVIDADE !

20 comentários:

myra disse...

outra maravilha, amei o lugar e o artista! ele è fantastico!
mais beijos

Remus disse...

A ideia de existir uma coisa chamada "arte contemporânea" é algo que me assusta. Então a arte não é toda igual, independentemente da época em que seja feita?
Tenho a ideia que quando alguém faz uma peça de arte que ninguém a percebe ou gosta dela, então automaticamente ela é catalogada como "arte contemporânea".
Para mim arte, são aquelas obras que são e serão sempre intemporais.

expressodalinha disse...

Como sempre Siza consegue luminosidades fantásticas, numa arquitectura linear e aparentemente simples (nunca gosto das fachadas, mas isso não interessa nada).

Eduardo P.L disse...

Um arquiteto "especializado" em museus...Cria espaços e luzes interessantes, mas concordo com o Jorge.

Eduardo P.L disse...

João,

muito obrigado por ter feito a divulgação do "nosso" livrinho.

A Luz na sombra disse...

Gosto muito da arquitectura de "Sisa Vieira".
Não me canso de, no Chiado procurar os recantos inesperados com que ele brindou a capital
Sóbrios, ângulos que nos prendem, luz... sombras que nos fascinam!
Ouvi a resposta dele a uma jornalista que um dia lhe perguntou:

"Como tem de ser para si Sr. Arquitecto, um relógio?...
A resposta foi com horas... sempre com horas...!

Para mim, sem o conhecer ficou definido... HORAS!

João Menéres disse...

MYRA

O Siza nasceu em 1933 e Casás, em 1946, ou seja, a distância que dista de Matosinhos a Pontevedra, e a pequena diferença de idade entre ambos, são factores que fazem que esta exposição fique tão bem neste museu. Até parece que foi a pensar no Casás que o Siza o projectou !

Um beijoooooooo

João Menéres disse...

REMUS

Quando vi ao vivo obras do Bosch, pensei :
Mas este tipo pintou isto há mais de quinhentos anos ?

Satisfaz-lhe a resposta ?


Um abraço.

João Menéres disse...

JORGE

O Siza tem fachadas em várias obras que são de uma beleza incrível.
Conhece a fachada virada ao mar da Casa de Chá da Boa Nova ( isto só para dar um exemplo...) ?

Um abraço.

João Menéres disse...

EDUARDO ( 1 )

Em museus e não só !...

Um abraço amigo .

João Menéres disse...

EDUARDO (2 )

Fiz o que pude. Se mais soubesse de informática, acredite que MUITO MAIS faria com o maior prazer !

Muitas felicidades.

João Menéres disse...

MARIA

Muito adequado o teu comentário !
Embora seja amigo dele, não sabia dessa resposta.
O que ele queria dizer, entre outras coisas, era que os projectos têm que levar em consideração a incidência solar conforme o fim a que se destina.
Seja uma Adega, uma Faculdade, um Banco, um Museu uma moradia...
A meticulosidade do seu trabalho é notável. Por isso foi reconhecido internacionalmente com o maior Prémio de Arquitectura !

Um beijo e obrigado pela tua presença nesta postagem.

Li Ferreira Nhan disse...

JOÃO!!!!
Não conhecia esse galego!!!
Fantástico esse trabalho!
Fui ao google e encontrei essa tua imagem em tamanho maior... Pude ver melhor.
Que maravilha! E as peças são todas numeradas. Puxa, como queria ver ao vivo. Pena que só fique até fevereiro.

A luz desse espaço dispensa comentários; tudo de bom! Siza sabe dialogar com ela.
Um beijo e obrigada por apresentar Fernando Casás.

Li Ferreira Nhan disse...

João, o virtual está agora também no papel; em livro!!!!
Graças ao Edu, nos vemos por lá também.
:))

JG Costa disse...

Belíssimo espaço. Parabéns pela divulgação.

Abraços renovados.

João Menéres disse...

LI ( 1 )

Julgo que te referes ao FRAGMENTOS DE AMÉRICA,
não é ?
Eu poderia ter-me aproximado mais. No entanto, gostei do reflexo no chão !
E o Google serve para isso mesmo : Quem tem verdadeiro interessa BUSCA !

Nem imaginas como é reconfortante receber de volta um comentário assim !!!...

Um beijo, querida Li.

João Menéres disse...

LI ( 2 )

A sério ?
Que bom !

Estou em picos !

Um beiJOÃO.

João Menéres disse...

JG COSTA

Ainda bem que a postagem agradou a várias pessoas!

Fico feliz por isso.

Um abraço e obrigado.

Luísa disse...

Sabes que estive lá este verão, não sabes?
Não estava tão bonito como nos mostras...
Bjnhs

João Menéres disse...

LUÍSA

As obras do Casás, também ajudam !

Um beijo.