.

sábado, 10 de abril de 2010

PRÉMIO EUROPA NOSTRA 2010

Photobucket

© João Menéres


Um dos mais importantes galardões europeus,
o Prémio EUROPA NOSTRA, foi atribuído ao
Mosteiro de Santa Clara-a-Velha (Séc. XIV), pela sua conservação e restauro.
Como já aqui no Grifo Planante referi em anterior postagem,
o nosso amigo Arqto. Alexandre Alves Costa foi o responsável por todo o
estudo e restauro deste monumento. Foram 14 anos de obras.
Mas, valeu a pena!
Daqui lhe reafirmamos o agradecimento pelas explicações
dadas aquando da nossa visita (anterior à reabertura ao público) e, agora,
felicitamo-lo pelo reconhecimento internacional.

12 comentários:

Luísa disse...

Há sempre alguém que nos olha e vê a qualidade dos técnicos portugueses!
Há sempre um reconhecimento que nos toca a alma lusa pela qualidade de quem produziu tão singular trabalho!
Há sempre a obra, o testemunho do que fica e será guardado para sempre...~esta foto, SENHOR, dava um conto infantil sobre a arquitectura renascentista!Poderia começar por: "Era uma vez um Mosterio. Abrigava para oração clarissas devotas baptizadas pelas águas do nobre Mondego"


Vou pensar nisso...ao contrário de Saramago, julgo que escrever para crianças apenas requer sensibilidade(Por isso ele não lhes consegue chegar).
Ops! Está dito!
Beijinho terno

myra disse...

outra foto incrivelmente bela!!!!!
e sabe Luisa, voce tem toda a razao sobre o que diz de Saramago!
beijos enormes Joao,

Quase Blog da Li disse...

Foto de tirar o fôlego!
Jõao, este é o mosteiro onde esta enterrada a rainha Isabel (ela povoou a minha infancia, minha imaginação) e que estava quase todo alagado?
Parabéns também as mãos anônimas que recuperaram este monumento!
beijo
li


(não sei o que diz Saramago acerca de escrever para crianças, vou procurar saber...)

Lina Faria disse...

João, a toda obra de arte arquitetônica recuperada, meu suspiro de alívio.
Imagina que eu aqui brigo por edificações bem mais singelas. Imagino que se morasse no velho mundo, acabaria louca.
Bela foto para começar o dia.
bj,

angela disse...

Linda e você fotografou a alma dela.
Parabéns aos dois.
beijos

Eduardo P.L disse...

Junto aqui meus aplausos, sem conhecer a obra, mas pelas imagens do João, e seu testemunho, não há dúvidas!

uminuto disse...

é bom saber o que de positivo se faz neste país
um beijo

tossan disse...

Uma verdadeira obra de arte e a foto também! Abraço

João Menéres disse...

Ideia magnífica!

Muito bem deitado cá para fora essa da falta de sensibilidade do Nobel !
GOSTEI !!!

Um beijo para ti.

João Menéres disse...

MYRA

A LUÍSA não pisa terra com charcos!

Um beijo.

João Menéres disse...

LI

Tanto quanto julgo saber, a Rainha Santa Isabel foi transladada (talvez no Séc. XVII) para o novo Mosteiro erguido numa cota bastante mais elevada, exactamente por causa das permanentes águas do Mondego que não se contentavam com o leito que a Natureza lhe destinou.
Como o declive até à foz (na Figueira...da Foz) ele sempre teimou em alagar tudo.
E isto em recuados séculos...onde acho que ainda não se procurava encontrar o causador humano desses desastres...

Um beijo grande.

João Menéres disse...

LINA

Teu comentário me elogia e, por outro lado, me faz ficar mais feliz por verificar a tua sensibilidade para tantos e tantos CRIMES que se cometem em nome de "restauros".

Um beijo deste teu fã.