.

quarta-feira, 29 de abril de 2009

PESCA ARTESANAL

Photobucket
© João Menéres

34 comentários:

Conceição Duarte disse...

Alguns trabalho na vida, parecem não ter regras, hora, ordem, arrumação, e beleza. Veja só isto aí! TUdo em ordem para começar a pesca...Tudo arrumadíssimo, fácil para começar mais uma nova pesca. Fácil para nós que simplesmente observamos o trabalho árduo e difícil desses grandes pesacadores que estão aí na nossa vida, desde o grande Pedro! Há que se ter coragem.

A fotografia é bela, pois pegar isto assim é muito bonito para vermos todos os lados de uma grande trabalho.

Amei a foto, amigo João!

Um grande beijo, CON

Carlos Manuel Pereira Rodrigues disse...

Uma fotografia que gosto!!

Luísa disse...

"São as mãos que tecem estas redes que trazem o peixe para terra!
Madrugadores, aventureiros,arrojadamente decididos na faina em alto mar, são homens de histórias para contar!
E nós, que suavemente deliciamos o peixe à nossa mesa, estamos sequiosos por as ouvir..."


Eis uma foto dum cais de pescadores, com as redes empilhadamente organizadas prontas a sairem para o trabalho...
Foto muito bonita! Mais uma, apenas!
Beijinho terno!

Menina do mar disse...

LINDO!
(Agora é a minha vez) Rsrsrsrsr :)
Uma «ninhada» de covos plantada à beira mar :)

myra disse...

que lindissima foto!!!! vc. é um fotografo e tanto!
um beijo,
myra

expressodalinha disse...

Armadilhas para lagosta e sapateira, certo? Aonde? Talvez na zona de Aveiro. A água não me parece muito algarvia, senão também podia ser em Santa Luzia/Tavira.

Susana Garcia disse...

Gosto dessa foto,não só desse mar imenso como também dessas redes ,de toda essa envolvência,está muito interessante.
boa escolha

Se ainda quiser o meu mail,aqui está ele susanaferr@gmail.com

João Menéres disse...

CONCEIÇÃO DUARTE

Estou enferrujado!!!
Não imaginas a dificuldade que eu experimentei até conseguir o que queria!

Um beijo (gostei muito de tudo o que escreveste aqui).

João Menéres disse...

CARLOS M.P. RODRIGUES

Fico contente, creia.

Obrigado por ser o 99º !!!

Um abraço.

João Menéres disse...

LUÍSA

Tenho mais que a obrigação de prestar mais atenção ao teu blogue.
Tudo o que escreves é bom mesmo.

E, claro, gostei muito do teu comentário.

Um beijo.

João Menéres disse...

MENINA do MAR

OBRIGADO POR ESSE >LINDO< !!!
Reparaste no jogo do verde-água do mar com o dos covos?
E o encarnado do barco com o dito dos covos?
E os brancos que estão no barco com o dos covos?

-Também não? Então é preciso ter os olhos mais despertos...

Grande beijo.

João Menéres disse...

MYRA

Mandas cada elogio...
Até acredito!

Um beijo.

João Menéres disse...

EXPRESSODALINHA

Já localizou?

Um abraço.

João Menéres disse...

SUSANA GARCIA

Começo por agradecer teres-me dado o endereço.

E, agora, agradeço o comentário.
As tuas palavras demonstram bem que gostaste mesmo da imagem.

Um beijo.

Tinta Azul disse...

A pesca é artesanal. A fotografia não.
Como sempre lindíssima.
Gostei muito do pescado.

BJS

João Menéres disse...

TINTA AZUL

Racional o comentário !
Obrigado.

Beijo.

Lina Faria disse...

João,
Interessante essa discussão do artesanal, ou nao, da fotografia.
Penso que hoje gastamos tanto, ou mais tempo a tratar as fotos no computador, que nos laboratórios, com as películas.

Quanto a foto, composição, textura, cor, tudo perfeito!
Além da informação.

João Menéres disse...

LINA FARIA

Mas a minha fotografia será ou não artesanal ?
Esta não tem tratamento nenhum. Nem o elementar de mais ou menos saturação, mais ou menos contraste.
Interpreto-a como artesanal, pois foi "manual", está purinha.
Se tivesse photoshop, eu diria que era mecânica, seria?

Lina : Uma vez mais as palavras "composição, textura, cor" são um bom elogio.
Obrigado.

Um beijo.

Lina Faria disse...

João,
quando digo tratar, falo do essencial.
Também não tenho o hábito de manipulá-las. Mas fotografo sempre em altissima resolução e tenho que fatalmente fazer backup, baixar dimensão e resolução, arquivar. Sem falar que fotografo muito arquitetura e a troca de lentes em obra implica em sujar a camera, enfim, acho que hoje me ocupo mais que antes trabalhando com chromo e b&W.
bj.
Lina

João Menéres disse...

LINA FARIA

Em RAW, não é?
Tens alguma objectiva Shift?

A minha câmera faz a limpeza automática no sensor sempreque a desligo.
E bem, diga-se.

Bom fim de semana .

Um beijo.

L.Reis disse...

O que eu gostei: do muro de armadilhas a ocupar o primeiro plano, com o seu jogo de cores, do pequeno "operário" que baloiça nas águas como que alheio à imensa tarefa que o espera, do enquadramento , que tirou partido de tudo isso!

João Menéres disse...

Tens lá pano para mangas.
Eu não tinha tripé...

Sabes onde é? Interessa-te?

Um beijo.

ellen disse...

Gosto desta imagem... bem portuguesa de pesca!
se não é, passa a ser rsssssss

João Menéres disse...

ELLEN

É,pois!

Um beijo.

Eduardo P.L disse...

Grande imagem! Em TODOS os sentidos!

ellen disse...

é pois??? ok... então está a receber a confirmação eheheheh

Beijinho

ellen disse...

Acabei de ver ela aí no Sidebar :)
Obrigada João!
Beijinho

João Menéres disse...

EDUARDO

Pelo menos teve direito a um SELO-PRÉMIO MENSAL, concedidopela ELLEN, que é uma querida (já conto com algumas...).

Um abraço.

João Menéres disse...

ELLEN

Portuguesa, pois!

E bem perto de ti...

João Menéres disse...

ELLEN

Quem agradece sou eu que recebi a distinção.
NOTA: Agora já não só os CTT que reproduzem as minhas fotografias nos selos para o correio...
Agora há uma criativa na blogosfera!
Isto está a subir de nível, puxa...

Um beijo.

missixty disse...

Está sensacional. Onde é que tu encontras estas coisas??? Até parece que foi tudo arrumadinho de propósito para ti.

João Menéres disse...

MISSIXTY

Nem imaginas o quanto me custou!!!
Um contentor de notas grandinhas...
Mas, que importa?

Um beijo.

ellen disse...

João,
quando estes mimos deixarem de acontecer, a blogosfera perda a graça! :)
... e irei planar para outras estradas ehehehe

(nada disso, Blog, já chega e já nem tempo tenho para me coçar rsssss)

João Menéres disse...

ELLEN

Pois o meu problema já está aí.
Não faço nada mais do que estar aqui sentado (que nem um inválido) de manhã, à tarde e à noite até às quinhentas e, mesmo assim, sem conseguir retribuir as visitas que tantos blogueiros me fazem
Tenho que encontrar uma solução que me liberte do computador (melhor dizendo, dos blogues) e rapidamente!

Beijo.