.

quinta-feira, 19 de março de 2009

DIA DO PAI

Photobucket

MEU PAI

Neste Dia de S. José, em que se comemora o Dia do Pai,
lembro aqui o meu : Agostinho Pinto de Oliveira Menéres.

Nascido a 1 de Janeiro de 1898 e falecido a 16 de Setembro de 1977,
era filho de Agostinho da Fonseca Menéres e de Maria Carolina Pinto de Oliveira.
Meu Avô foi o 5º filho de meu Bisavô Clemente Menéres, nascido na Vila da Feira, em 19 de Novembro de 1843 e que com pouco mais de quinze anos foi para o Rio de Janeiro.

Como se pode ver, o meu Pai aqui nesta fotografia ainda não tinha 17 anos,
mas tinha já a postura que sempre conservou até ao momento em que Deus o chamou.
Óptimo pai, como devem ser os nossos pais, era rigoroso,
mas não severo, na disciplina em que fomos (quatro filhos) educados.
Conversador nato, era uma pessoa desejada e querida por todos.


30 comentários:

Aidinha disse...

Menéres

Desta vez a foto vem do fundo do coração e não deixa de ter o mesmo encanto daquelas com que você nos tem brindado.

É um sentir tão bom, este de se ter de um homem como você, o orgulho e o carinho a definir a foto:
MEU PAI

Gostei muito, me emocionou...

Seu pai foi tudo o que voce disse, só faltou dizer que era um pedaço de homem!

Eu o digo,com sua licença, claro.

Beijo
Aidinha

Georgia disse...

Joao, seu pai era muito bonitao, charmoso e que postura...

Vejo que vc tem o rosto comprido oval de seu pai.

Os homens dessa época tinham outros quilates, infelizmente a nova geracao deixa muito a desejar.

Que bom que tens ótimas recordacoes do seu pai.

um abraco

Eduardo P.L disse...

João, vocês são muito parecidos! E não sabia que tinha "origens" ( de passagem...) no Brasil...

Forte abraço

Milouska disse...

Uma justa e bela homenagem ao seu pai, João!
Um beijo,

Milouska

Jorge C. Reis disse...

Um bela homenagem.
Abraço

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO JOÃO, BELA HOMENAGEM AO TEU PAI... UM ABRAÇO DO CORAÇÃO PARA TI,
FERNANDINHA

jugioli disse...

Que linda homenagem!!!!

Menina do mar disse...

(:
Muito bonita a homenagem!

Elma Carneiro disse...

Parabéns pelo seu pai, que homem bonito em todos os sentidos. Mereceu a sua homenagem.

Quanto ao seu comentário sobre nosso grande poeta Manoel de Barros ainda vivo com seus 92 anos, é um dos principais poetas contemporâneos do Brasil, e muito respeitado por sua obra de linguagem surreal.
É uma lástima mesmo, ver você dizer “Não conheço Manuel de Barros.Triste sina a minha...” por não ter tido o privilégio de ler o que ele escreve sobre “as insignificâncias do (do mundo e as nossas)”.

Em sua sabedoria, Manoel de Barros longe de ser irônico diz ter amor pelas coisas sem importância, às vezes debochando de coisas consideradas “importantes”.
Interessante o "O Livro das Ignorãças", publicado em 1994, em que ele remete à realidade desconhecida, a um desconhecimento prévio dos conceitos, significados, sentidos.
Um livro que guarda a origem das coisas.
Cuidadoso com sua linguagem para que não venha a ferir como um punhal, ele faz do absurdo sensatez.
Palavras que poderiam ser muito bem pensadas de como encarar os absurdos.
Obrigada pela sua proveitosa visita.
Um beijo

Alice Salles disse...

LINDA HOMENAGEM!
Já que és pai também, sabes como é querido e sempre homenageado pelos filhos teus... As memórias que ficam são aquelas que enchem o coração de um calor gostoso que chamamos de AMOR! Essa postagem mostra exatamente o quanto é gostoso relembrar...
LINDO JOÃO!

Anónimo disse...

João,

Lindo seu pai, Lindo você de ainda dar seu carinho a ele.

Parabéns e Feliz dia do Pai!

um beijão

Paulinha

Conceição Duarte disse...

João, parabéns pelo dia dos pais, se é que entendi assim. Também parabéns pela porte, charme, graça e beleza do seu pai, Agostinho, que me atrevo a dizer, lembra muito você. Parabéns a seu pai, pelo filho filho João que ele tem.
Muito lindo o post. Quem tem história de família, tem raiz, tem equilíbrio, referência e alegria.

E parabéns a você por ser pai e avô que baba, nas suas netinhas...

MUitos beijos pra vc, CON

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

João!Linda e comovente homenagem!

Seu pai,com certeza,ficou feliz no Reino dos Resplendores.

Um beijo!Sonia Regina.

erupção_do_ser disse...

Aliada deste lado pelo belo homem ali sentado procurando manter a pose conservadora de um tempo, agarrado à coragem de seguir com o perpetuar de uma geração... quando se consagra como PAI o nosso João, para ambos, a minha sincera homengem por um percurso amado e conquistado.

João Menéres disse...

Fiquei muito sensibilizado com as 14 pessoas que comentaram este IN MEMORIUM.

AIDINHA
GEORGIA
EDUARDO
MILOUSKA
JORGE C. REIS
FERNANDA
JUGIOLI
MENINA DO MAR
ELMA CARNEIRO
ALICE SALLES
PAULINHA
CONCEIÇÃO DUARTE
SONIA REGINA
ERUPÇÃO_DO_SER

Muito obrigado do coração.

Meu Pai era mais alto um pouco do que eu.
Como sempre se cuidou, foi sempre uma figura super elegante, sem barriga ou estômago saliente.
Nos últimos vinte anos a minha barriga resolveu mostrar-se ao mundo.
De casaco, ainda passa despercebida...

Beijos e/ou Abraços para todos os que escreveram ou leram.

Maria Augusta disse...

João, então em Portugal o Dia dos Pais também é o Dia de São José, o que acho mais lógico que no Brasil, que tem uma conotação mais comercial.
Estou atrasada mas queria queria te dar os parabéns por esta sincera homenagem ao teu pai, pelas fotos suas que vi, vocês são muito parecidos.
Obrigada por dividir conosco esta foto que deve ser preciosa para tua família.
Um grande abraço.

expressodalinha disse...

Parbéns a todos os pais!

roserouge disse...

Bonita homenagem, João. Ele haveria de gostar. Bj.

Dulcineia (Lília) disse...

Uma homenagem muito bonita,
Ele deve ter tido muito orgulho em si.
E o João é parecido com ele. Não só na fisionomia que se advinha, mas justificando o ditado "quem sai aos seus..."
Um abraço

ellen disse...

João, linda foto e bela homenagem ao seu pai aqui partilhada com todos nós! o João é parecido com ele :)

Também tenho um pai maravilhoso, como eu costumo chamar PAI com letras grandes.

Um beijinho para si e que seu pai esteja em paz.

João Menéres disse...

MARIA AUGUSTA

Os amigos nunca estão atrasados.
E, se por acaso não vierem, é porque sucedeu algo imprevisto e temos que considerar a sua presença igualmente.

Como disse acima,
o meu Pai não tinha barriga nenhuma e era um pouco mais alto do que eu, portanto bem mais elegante.
Os jeans e outras coisas nunca foram do tempo dele, entendes?
Agora, facilita-se.
Até aqueles 2 ou 3 fotógrafos mais afamados e que faziam trabalho no exterior iam de fato completo, gravata ou laço, chapéu e...botas!

Um beijo e bom Domingo.

João Menéres disse...

EXPRESSODALINHA

Pela parte que me toca agradeço e retribuo.

Um abraço.

João Menéres disse...

ROSEROUGE

Eu acho que sim, caso contrário acredita que o não teria feito aqui.

Um beijo, M A D R I N H A !!!

João Menéres disse...

LÍLIA

Muito obrigado, pois levo essas palavras à conta dos elogios (mas que eu não mereço !).

Um beijo.

João Menéres disse...

ELLEN

É o resultado da educação que cada recebeu, não é?
Um beijo.

João

L.Reis disse...

Há memórias que resguardamos do tempo...só para não perdermos uma parte de nós...

João Menéres disse...

L.REIS

Já lá vão quase 32 anos, mas parece que foi há meia dúzia...

Jorge Monteiro disse...

Bela homenagem a sua Pai.
Nem todos se podem gabar de ter um pai assim, mas por outro lado, nem todos se podem gabar de serem bons pais. Goste do gesto.
Abraço.

João Menéres disse...

JORGE MONTEIRO

Pensamento positivo, SEMPRE !

Obrigado.

Um abraço.

Usha Velasco disse...

Sei que vou repetir o que todos disseram, mas que fazer? Que linda homenagem! Emocionante. João, meu bisavô, pai do pai do meu pai, também veio de Portugal para o Brasil com quinze anos... Foi ele que saiu de Castro Daire.
bjs!!!