.

domingo, 1 de fevereiro de 2009

JANELAS

© João Menéres

Em tempo de crise, até em Castelo Mendo (ver a magnífica produção da MILOUSKA sobre as Aldeias Históricas de Portugal, ontem iniciada no seu blogue),  as janelas têm nos seus beirais flores de plástico...

11 comentários:

Alice Salles disse...

ah são de plástico é?
mas é tão meigo!

João Menéres disse...

ALICE

É uma pequena e muito antiga aldeia.
Habitada por uma pequena população já envelhecida na sua maioria.
Os vasos pintados nada têm a ver com nada. Menos ainda as ditas flores de plástico. Até esta fachada é diferente da maioria das casas de Castelo Mendo.
Esta postagem veio a propósito únicamente do que hoje vi no blog da MILOUSKA e onde esta mesma janela aparece. Só por isso.

João Menéres disse...

ALICE

É uma pequena e muito antiga aldeia.
Habitada por uma pequena população já envelhecida na sua maioria.
Os vasos pintados nada têm a ver com nada. Menos ainda as ditas flores de plástico. Até esta fachada é diferente da maioria das casas de Castelo Mendo.
Esta postagem veio a propósito únicamente do que hoje vi no blog da MILOUSKA e onde esta mesma janela aparece. Só por isso.

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Joâo,isto não se faz!!!Sabe que sou louca por janelas ,portas e rios e colocas esta maravilha onde se vê até o descascadinho da parede.

Imagem deliciosa e repousante!

Um beijo e uma flor de plático,nem por isso menos bela!Sonia Regina.

João Menéres disse...

SONIA REGINA

Este parapeito nada tem a ver com a realidade de Castelo Mendo!
Uma aldeia histórica com vasos pintados ingénuamente e com flores assim!

Desculpa.

jugioli disse...

Uma beleza, eu vejo como uma variedade de paletas coloridas.

JU

L.Reis disse...

De plástico ou não (se não o dissesses não o saberia) o que é facto é que esta janela atrai o olhar...talvez seja o colorido dos vasos, assim alinhados, na parede marcada pelo tempo...talvez seja o desafio que todas as janelas nos lançam...seja como for, gosto da fotografia(gosto muito da fotografia!)

João Menéres disse...

JU

Na verdade, a paleta está toda aí...

João Menéres disse...

L.REIS

A própria prateleira, onde os vasos estão, também o tempo a vergou...

erupção_do_ser disse...

Eu prefiro imaginar a "criatura" humilde que cuida, que tem gosto por ter uma janela com tanta alegria,
Abraços

João Menéres disse...

ERUPÇÃO DO SER

Não posso discordar de ti, de forma alguma.
Mas, em Castelo Mendo esta é casa que mais destoava na altura.
Grato pela visita e pelo comentário.