.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

RURALIDADES

© João Menéres

Algures, num fim de tarde de fim de Verão...

17 comentários:

Alice Salles disse...

JOÃO, ESTOU PASSADA! QUE OBRA PRIMA!

Eduardo P.L disse...

UMA verdadeira tela a óleo de um grande mestre do século 18.

Forte abraço!

Georgia disse...

Linda tela!!!

E esse entardecer, ai,ai,ai quando é que vou ver um desses por aqui???

disse...

João...Que beleza ! Que grande sensibilidade você tem! Só tendo muita para capatar tal beleza...parabéns!

expressodalinha disse...

Continua o impressionismo!

Abelhón disse...

Guapo de beras!! podie ser no Praino quando l ganado sal de l sesteil.

Abraço

Milouska disse...

João,

Nem sei que dizer... Fotografia extraordinária! Como diz o Jorge (expressodalinha), parece um quadro impressionista.
Parabéns!
Um beijo,

Milousa

roserouge disse...

Parece um quadro de Turner. Linda!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Esta imagem não é uma foto é uma pintura a óleo do artista João!Até o luz nos remete à tela.Maravilha!!!

Beijo!Sonia Regina.

Jorge C. Reis disse...

Bonito efeito. Magnífico momento.

João Menéres disse...

Acho que posso responder a todos:
Esta imagem não tem qualquer tipo de filtro. É um simples 24x36 mm.
O terreno estava seco. O rebanho levantava algum pó que o vento espalhava.
Foi numa estrada secundária e mal tive tempo de parar e sair do carro para ir buscar a máquina!
Segundos depois já não havia rebanho nem poeira!
Outra curiosidade: Imprimi este trabalho sobre tela, sim. E num grande formato! (h: ± 1,00).
Foi comercializada.
Para quem sabe quem é: O Lanhas (quando os olhos ainda o deixavam ver) disse que eu tinha imagens que lhe lembravam o Turner.
Ele não viu esta.

OBRIGADO A TODOS.

Maria Augusta disse...

MARAVILHOSO este "degradé" de luzes. Uma verdadeira obra prima!!!
Um abraço.

Maria Pinto disse...

Que beleza e que saudade me trás este Ocre! Sente-se o quente, o pó e o cair do dia...

João Menéres disse...

MARIA AUGUSTA

É um prazer receber um comentário seu e logo no seu regresso !

O degradé é absolutamente real.

João Menéres disse...

MARIA PINTO

Boa leitura da imagem.
Aparece mais vezes.
Será um prazer, acredita.

L.Reis disse...

Caramba João!! Que imagem tão surpreendente!!
Desde a gradação da luz até ao efeito produzido pela espécie de "poeira" doirada que a envolve, tudo me fascinou...só consigo pensar naqueles grandes planos da savana... Espectacular!!!

João Menéres disse...

L.REIS

E, como digo acima, impresso em tela, ficou muito bem, mesmo.
Um beijo agradado.