.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

ARTES PLÁSTICAS - ESCULTURA

© João Menéres

Luís de Camões, escultura de João Cutileiro

João Cutileiro, nasceu em Lisboa no ano de 1937.
Está há muito radicado em Évora.
O meu amigo Dr.Jorge Bruno, na qualidade de Presidente da Direcção do IAC-Instituto Açoriano de Cultura, referindo-se a este Artista definiu-o como "figura indissociável da história da escultura em Portugal, o escultor da mudança."
Uma das suas peças escultóricas mais polémicas é
a do Rei D.Sebastião (1973), em Lagos.
Voltaremos a D.Sebastião e a João Cutileiro...

7 comentários:

erupção_do_ser disse...

Bom dia,
Tenho um post para fazer exactamente, não sobre essa, mas sobre uma outra desconhecida...escultura sobre Luis de Camões... tenho de a preparar... è um bom tema a escultura, e CUTILEIRO acende a mudança de espírito no nosso tempo.

expressodalinha disse...

Não estou seguro que a estátua de Lagos seja o rei D. Sebastião. Julgo que o nome é "A El-Rei D. Sebastião"... o que se presta a outras interpretações. Quanto ao escultor, não faz parte domeu porfolio. Gostos!

L.Reis disse...

Tenho uma forte paixão por algumas das obras de Cutileiro...quando o onírico se transforma em pedra, mas, ainda assim encerrando a imaterialidade do que é irreal

João Menéres disse...

ERUPÇÃO DO SER

O Cutileiro é, como os poetas, segundo o F.P., um fingidor.
Mas, é um desafiador, um provocador.
Os Artistas são-no, por hábito.

Talvez, brevemente, possa saber mais sobre esse Camões desconhecido...

João Menéres disse...

EXPRESSODALINHA

Vou reflectir e estudar o assunto. Mas, se o diz, estará a falar acertadamente.

Eu gosto de muita coisa que o Cutileiro tem (Vitórias, por exemplo). Desenhos a tinta da china (tenho um de 87 e outro de 88), assinados : João, como sabe.

João Menéres disse...

L.REIS

Eu, como sonhador, corro o risco de me transformar em pedra ?
Ah!, não. Eu sou material, mas amanhã serei pó. Então, sim, com um tanto de água, do pó se fará (ou não) pedra.
Depois, é que já não adivinho a irrealidade, pois a alma perdi.

Mena G disse...

A escultura do D. Sebastião, em Lagos é de João Cutileiro.
Inaugurada como estátua, em 1973, pelo antigo "corta fitas": Américo Tomás!
Pessoalmente,gosto do Sebastião...
Do João, nem tanto.